Destruir Dafne! Mais obcecado por sua abelha-rainha do que nunca, Pelópidas coloca o pedido de Judith em prática.

“É a Dafne! Ela tomou tudo da minha abelha-rainha. Eu tenho que cumprir a promessa que fiz, porque aí a minha abelha-rainha volta pra mim!”, ele diz ao ouvir a voz da loura no depósito da galeria.

Munido de um lenço e uma garrafa, o fugitivo aproveita-se de um momento em que ela está sozinha para atacar!

“Que barulho foi… Pelopidas!?”, Dafne diz, antes de cair desmaiada depois que ele coloca um lenço umedecido em seu nariz.

Com a mulher de Gabriel desacordada no colo, Pelópidas desce as escadas do porão da galeria e a leva para o ancoradouro de um lago subterrâneo que corre pelos recônditos do local.

Em um bote, Pelópidas rema no lago com sua prisioneira.

Essa cena vai ao ar a partir de quarta-feira, 6/01.

COMENTÁRIOS