MSN

domingo, 21 de julho de 2024

Anitta abre o jogo sobre saúde mental e fama: “Quero ser feliz”

Cantora falou sobre vários aspectos de sua vida para a influenciadora Bianca Andrade

-

-

Matheus Nunes
Matheus Nunes
Jornalista formado pela UNISUAM (Centro Universitário Augusto Motta) desde 2020. Apaixonado pelo mundo televisivo e tecnológico, atuo na área de entretenimento há dois anos cobrindo reality shows, famosos, televisão e novelas, com passagem pelo Portal EM OFF e Mixturando como repórter. No Área VIP, trago as notícias mais quentes da TV e das celebridades.
Anitta em conversa com a influenciadora Bianca Andrade (Reprodução: Instagram)
Anitta em conversa com a influenciadora Bianca Andrade (Reprodução: Instagram)

Na noite desta sexta-feira, 21 de junho, a cantora Anitta abriu o jogo sobre sua vida pessoal e o momento em que vive em sua carreira carreira profissional, principalmente em relação a sua saúde mental.

- Continua após o anúncio -

A declaração ocorreu em um vídeo publicado no instagram da influenciadora digital Bianca Andrade, mais conhecida como Boca Rosa. Na siutação, a empresária maquiava a artista musical no quadro “No Corre da Make”, que é uma nova série de vídeos da empresária de cosméticos.

+ Maria Ribeiro relata como conheceu Anitta e enaltece cantora: “Corajosa e revolucionária” 

“Teve um momento na minha vida onde eu só trabalhei. Acho que tem que ter um equilíbrio, sabe? Antes eu queria ser a melhor, a maior. Hoje em dia eu não quero ser a maior nem a melhor, eu quero ser feliz”, iniciou Anitta.

- Continua após o anúncio -

A cantora brasileira, que está mirando na carreira internacional, contou que tomou uma decisão: “Eu não tô mais disposta a fazer as coisas que necessitam ser feitas para estar no topo. Estar no topo implica e exige várias coisas de mim que eu não estou mais disposta a fazer. Para ser a artista mais falada, eu tenho que ficar mostrando 24 horas o meu dia no Instagram. Então, eu não vou ser a mais falada, porque eu não quero mais mostrar 24 horas do meu dia no meu Instagram”, relatou ela.

+ Virginia Fonseca revela ideia de Anitta em quadro de seu programa no SBT: ‘Queria muito fazer’ 

- Continua após o anúncio -

Adiante, Anitta fez uma reflexão: “Só quero ter a certeza que se eu morrer amanhã, eu deixei algo incrível pras pessoas se inspirarem, serem melhores. Eu quero sentir que deixei o mundo melhor do que como estava antes. Mas antes eu tinha essa vontade de deixar melhor pro mundo inteiro, hoje quero deixar melhor pra quem for possível na minha limitação”.

A dona do eterno hit ‘Show das Poderosas’ revelou ainda como foi lidar com o público quando decidiu falar sobre política em suas redes sociais: “Isso mexeu muito com o meu psicológico. As pessoas estavam fazendo uma pressão imensa em todo mundo. Hoje em dia eu aprendi e estou pronta para lidar de uma maneira muito diferente”, analisou ela.

+ Anitta se emociona ao relembrar abuso que sofreu na juventude: “eu não queria” 

A musicista continuou expressando seu ponto de vista e falou sobre a intolerância religiosa que sofreu por conta de sua religião: “Não estou matando ninguém, envenenando ninguém, acabando com a raça de ninguém. O que eu puder fazer que for verdadeiro meu, vou fazer. Se falar da minha religião [candomblé] vai me afastar, então graças a Deus, que me afaste mesmo. Não quero mais gente desse nível do meu lado”, finalizou.

Confira:

Anitta sendo entrevistada pela Boca Rosa (Reprodução: Instagram)
Anitta sendo entrevistada pela Boca Rosa (Reprodução: Instagram)
- Continua após o anúncio -

Continue por dentro com a gente: Google Notícias , Telegram , Whatsapp

Matheus Nunes
Matheus Nunes
Jornalista formado pela UNISUAM (Centro Universitário Augusto Motta) desde 2020. Apaixonado pelo mundo televisivo e tecnológico, atuo na área de entretenimento há dois anos cobrindo reality shows, famosos, televisão e novelas, com passagem pelo Portal EM OFF e Mixturando como repórter. No Área VIP, trago as notícias mais quentes da TV e das celebridades.