Daniela Mercury – Reprodução: Instagram

Nestes últimos dias, uma verdadeira notícia chocou os amantes da música baiana. É que um bailarino, identificado como Marcos Paulo dos Santos Ramos de apenas 18 anos, que ficou conhecido por participar de um clipe da cantora Daniela Mercury foi morto ao ser baleado em Salvador.

+ Daniela Mercury e a esposa comemoram o dia em respeito às lésbicas

O clipe de Daniela Mercury que ele participou foi o ‘Samba Presidente’, lançado no ano passado. Através de sua assessoria de imprensa, a cantora lamentou a morte precoce do bailarino e afirmou que “é revoltante ver o sofrimento da família de Marcos”, e, agora, espera que o “o assassino seja identificado e preso”.

 + Aniversariante do dia, Daniela Mercury se declara para Malu Verçosa: “Te amo mais que tudo” 

Apesar de não conhecer o bailarino, a cantora lamentou bastante sua precoce ida. Bastante sentida, ela afirmou. “Eu sinto muitíssimo a morte precoce de um jovem de 18 anos. Eu não conheci Marcos pessoalmente, mas vi as imagens de quando ele fez uma participação no lyric vídeo de Samba Presidente! O lyric vídeo não teve a minha participação. Escolhemos colocar a drag queen Petra Peron para me interpretar”.

+ Daniela Mercury se surpreende com atores de Hollywood em seu show

Em seguida, Daniela Mercury ressaltou o alto número de jovens negros que morrem no Brasil e classificou a situação, comprovada por inúmeros estudos e dados, como alarmante: “É um massacre o que acontece nesse país com a população negra. Eu me coloco, como sempre me coloquei, à disposição para participar dessa luta no Brasil. Não podemos fingir que não estamos vendo. É revoltante ver isso, ver o sofrimento da família de Marcos. Sinto muito mesmo e espero que o assassino seja identificado e preso. Um beijo especial para a mãe dele e para toda família”, disse a cantora baiana, intérprete do hit ‘O Canto da Cidade’.



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here