MSN

quarta-feira, 24 de julho de 2024

Corpo a Corpo: Selton Mello opina sobre reprise de novela e afirma: ‘Tinha detalhes caprichados’

O ator avaliou a reprise da novela feita pelo Canal Viva.

-

-

Cesar Nascimento
Cesar Nascimento
Redator de entretenimento com anos de experiência e conhecimento na área de engajamento social, marketing e edição. Já passei por vários portais, escrevendo sobre temas diversos, como cinema, games e muito mais. No Área VIP, tenho como foco trazer as últimas notícias sobre TV, famosos e Reality Shows.
Ator Selton Mello - Foto: TV Globo
Ator Selton Mello – Foto: TV Globo

Selton Mello ganhou destaque no cenário nacional devido ao seu talento, tendo feito parte do elenco da novela “Corpo a Corpo”. O astro opinou sobre a reprise do folhetim no Canal Viva, destacando o capricho do autor com a trilha sonora e a história.

- Continua após o anúncio -

Selton Mello confessa que faz uso de cannabis medicinal para dormir: ‘é uma beleza’

A produção gerou bastante polêmica por mostrar um casal inter-racial na época, tendo no elenco nomes como Glória Menezes, Antônio Fagundes e Débora Duarte. A trama de Gilberto Braga foi muito importante em sua carreira, marcando sua estreia na televisão.

“Um novo vício: Corpo a Corpo no Canal Viva. Novela de 1984 que nunca foi reprisada. Viageeeem forte. Eu tinha 11 anos. O Lauro Corona era um ícone e a Andréa Beltrão estava estreando na TV”, disse em Stories compartilhados em seu Instagram.

- Continua após o anúncio -

Selton afirma que a novela contava com detalhes bastante caprichados. “É uma viagem no tempo real oficial”, afirmou. Vale lembrar que o ator também trabalhou com Gilberto Braga em “Força de um Desejo”, exibida pela TV Globo em 1999.

Selton Mello celebra reprise de ‘Corpo a Corpo’ – Reprodução/Instagram

Selton Mello fala sobre relacionamentos do passado

Através de sua biografia intitulada “Eu Me Lembro”, lançada no fim de 2023, Selton Mello falou um pouco sobre seus antigos relacionamentos, revelando ser uma pessoa de baixa autoestima.

- Continua após o anúncio -

Selton Mello compara ‘O Auto da Compadecida’ a clássico do cinema: ‘Nosso Star Wars brasileiro’

“Namorei pouco [na adolescência]. Tive aquelas paixonites pelas meninas lindas da escola, mas nem falava nada com elas, elas nem reparavam em mim, eu me sentia muito inadequado. Não tinha traquejo. Zero confiança, achava que não tinha nenhum sex appeal, me achava muito ruim, me achava muito equivocado, muito feio, todo errado”, diz em um trecho da obra divulgado pelo Metrópoles.

- Continua após o anúncio -

Continue por dentro com a gente: Google Notícias , Telegram , Whatsapp

Cesar Nascimento
Cesar Nascimento
Redator de entretenimento com anos de experiência e conhecimento na área de engajamento social, marketing e edição. Já passei por vários portais, escrevendo sobre temas diversos, como cinema, games e muito mais. No Área VIP, tenho como foco trazer as últimas notícias sobre TV, famosos e Reality Shows.