MSN

sábado, 13 de julho de 2024

Décio Piccinini expõe drama familiar vivido: “Foi o pior dia da minha vida”

No “Sensacional”, Décio Piccinini recorda convite de Silvio Santos para o ‘Show de Calouros’

-

-

Redação
Redação
Venha fazer parte da nossa equipe de colaboradores! Saiba mais!
Décio Piccinini
Décio Piccinini (Rogério Pallatta/SBT)

Daniela Albuquerque recebe Décio Piccinini no ‘Sensacional’ desta quinta-feira (01). No bate-papo, o apresentador e jornalista revive o convite feito por Silvio Santos para integrar o júri do ‘Show de Calouros’, famoso programa dos anos de 1970 e que permaneceu no ar por duas décadas, tornando-se um marco na TV e também na trajetória profissional de mais de 55 anos de Décio.

- Continua após o anúncio -

Christiane Torloni recebe apoio da web após drama familiar

Eu fazia boletim artístico no rádio, depois ia pra redação e, à noite aos finais de semana, estava na televisão fazendo o programa do Luiz Aguiar, que era da rádio Bandeirantes. Luiz resolveu entrevistar um amigo dele, o Silvio Santos. E quando terminou a conversa, Silvio estava com o próprio assessor e disse: ‘Décio, preciso falar com você, queria te convidar para fazer o ‘Show de Calouros’ comigo.’”, recorda.

Foi um baita choque, esperava uma bronca e veio um convite”, ressalta Décio, que, como repórter de um veículo impresso, já havia publicado anteriormente matérias especiais sobre o Dono do Baú.

- Continua após o anúncio -

Ao comentar o período em que esteve na bancada da extinta atração de auditório, Décio Piccinini declara qual participante mais o marcou: “Já não está mais entre nós. Uma vez julguei ‘um cara’ chamado Emílio Santiago, cantor de MPB. Ele cantou e a primeira coisa que me veio à cabeça foi: ‘O que ele está fazendo aqui?’ Com aquela voz, interpretação, sensibilidade que ele tinha, musicalidade“, recorda. “Julguei a primeira aparição televisiva de vários profissionais”, conclui o jornalista, que nesta última semana, inclusive, foi um dos convidados do especial em comemoração aos 60 anos do Programa Silvio Santos.

Ainda nesta edição do ‘Sensacional’, Décio Piccinini expõe o drama familiar vivido no momento em que perdeu a esposa, Heloísa Martins, mãe de seus dois primeiros filhos. “A gente se casou, veio o primeiro filho e sete anos depois o segundo. A nossa vida estava bonitinha, enquadradinha (…)  Dei um beijo nela na testa, ela deitou pra dormir e eu fui pra sala. Meia hora, quarenta minutos depois, fui pro quarto e ela estava morta. Eu pirei, tentei tudo que pude, chamei o socorro…”, conta, emocionado. “Foi o pior dia da minha vida, uma coisa assim devastadora. Depois disso fiquei tentando ser pai e mãe ao mesmo tempo, o que não é legal, porque você acaba não sendo nenhum dos dois”.

- Continua após o anúncio -

Décio Peccinini lamenta morte de mestre da bossa-nova: ‘Que pena’

“Passei quatro anos viúvo…De repente, fui mudar os óculos e tinha uma moça lá toda de branco, uma morena linda, com um olhão… A Dora acabou ganhando um óculos e um marido e já chegou em casa com dois filhos [os meus]. Não foi fácil pra ela (risos), mas ela me deu também um prêmio maravilhoso, o maior presente aos [meus] 50 anos: nasceu a Veridiana. Estamos há 28 anos juntos. Eu acredito em casamento”, afirma Décio.

Decio e Dani
Decio e Dani (Divulgação/RedeTV!)

A entrevista completa com Décio Piccinini será exibida no ‘Sensacional’ desta quinta-feira (01), às 22h30, na RedeTV!.

- Continua após o anúncio -

Continue por dentro com a gente: Google Notícias , Telegram , Whatsapp

Redação
Redação
Venha fazer parte da nossa equipe de colaboradores! Saiba mais!