Notícias sobre LUCIANO

Luciano Huck faz um minuto de silêncio por 100 mil mortos pelo coronavírus e irrita alguns seguidores

Luciano Huck – Foto: Instagram

O apresentador Luciano Huck usou o Instagram, na noite de ontem (9), para fazer um minuto de silêncio para as mais de 100 mil pessoas que perderam a vida por conta do coronavírus.

“Um minuto de silêncio. Em respeito as mais de 100 mil famílias que perderam”, escreveu ele na legenda do vídeo.

Após terminar o momento silencioso, o comunicador falou sobre as vítimas da COVID-19 e também desejou um feliz dia dos pais aos internautas.

“Pronto. Fiz um minuto de silêncio em homenagem às mais de 100 mil famílias que perderam alguém querido durante essa pandemia, em respeito a elas. Se a gente fica pensando só nos números, a gente esquece de pensar em cada família…Por isso que eu fiz e participei da iniciativa. Feliz dia dos pais para todos os pais do Brasil e para que é ‘pãe’, as mães que são pais, e não são poucas”, disse ele.

+William Bonner fala sobre 100 mil mortos por coronavírus no Brasil, e Luciano Huck comenta: Me senti representado

Atitude do apresentador divide opiniões

No entanto, a iniciativa do artista não agradou a todos. Nos comentários, tem gente achando que a boa vontade dele tem nome e se chama ‘Eleições de 2022’. “Já começou a campanha de 2022”, escreveu uma internauta. “Tão triste quanto as mortes, é ver oportunistas se aproveitando da situação para se promover e fazer política“, comentou outro.

+Luciano Huck presenteia motoboy vítima de racismo no interior de São Paulo

No meio de alguns comentários negativos, fãs de Huck elogiaram a ideia de silenciar em forma de homenagem aos mortos da pandemia. “Te admiro muito pelo ser humano que você é, que o senhor continue te abençoando, iluminando a tua vida, que tu tenha muita saúde para ajudar quem necessita”, escreveu uma admiradora. “Parabéns por todo o respeito e ajuda com o nosso povo, principalmente o mais carente”, completou mais uma seguidora.

William Bonner fala sobre 100 mil mortos por coronavírus no Brasil, e Luciano Huck comenta: “Me senti representado”

William Bonner fala sobre 100 mil mortos por coronavírus no Brasil, e Luciano Huck comenta: "Me senti representado"
William Bonner; Luciano Huck – Fotos: TV Globo/Montagem

Na noite do último sábado (8), dia em que o Brasil atingiu a marca de 100 mil mortos pelo coronavírus, de acordo com o Ministério da Saúde, William Bonner e Renata Vasconcellos lamentaram as vítimas da doença durante o Jornal Nacional. Bonner fez um discurso sobre como o governo deveria estar lidando com a situação.

“Todo brasileiro tem direito à saúde e todos os governantes brasileiros têm a obrigação de proporcionar aos cidadãos esse direito. As ações dos governantes precisam ter como objetivo diminuir o risco de a população ficar doente e não somos nós quem estamos dizendo isso. É a Constituição brasileira que todas as autoridades juraram respeitar. Está registrado no artigo 196…A saúde é direito de todos e dever do Estado, garantindo mediante políticas sociais e econômicas que visem à redução do risco de doença e de outros agravos e ao acesso universal e igualitário às ações e serviços para sua promoção, proteção e recuperação”, iniciou o âncora do telejornal.

+Globo toma decisão crucial sobre futuro de William Bonner no Jornal Nacional

Após um comentário de Renata sobre o fato de o país não ter Ministro da Saúde, Bonner retornou ao local de fala e continuou. “Primeiro o presidente menosprezou a Covid, chamou de ‘gripezinha’. Depois quando um repórter pediu que ele falasse sobre o número alto de mortes, Bolsonaro disse que não era coveiro. Disse duas vezes ‘não sou coveiro’“.

William Bonner fala sobre 100 mil mortos por coronavírus no Brasil, e Luciano Huck comenta

Luciano Huck então repostou a cena com os comentários feitos durante o JN de ontem. Na legenda o marido de Angélica escreveu: “Me senti representado”.

Nos comentários, no entanto, opiniões se dividiram. “As perguntas que eu faço são: em qual governo houve saúde pública no Brasil? O povo brasileiro tá fazendo sua parte com o isolamento social necessário e medidas de prevenção? A Globo está mesmo preocupada com a população ou com a briga direta com esse Presidente? Nos países de primeiro mundo conseguiram evitar a pandemia? O problema da COVID 19 está muito além de briga política, é muito mais complexo do que se imagina e infelizmente as vidas estão sendo ceifadas. A população mundial está muito grande e por “coincidência” de tempos em tempos aparece do nada um vírus que mata milhares”, escreveu uma internauta.

+Luciano Huck presenteia motoboy vítima de racismo no interior de São Paulo

Outra seguidora lamentou ter que ouvir um discurso triste como o que foi feito pelos apresentador durante o jornal. “Difícil ouvir esse triste relato, tantas vidas que poderiam ter sido poupadas e quem vai pagar por isso?”, questionou.

Assista:

Vítima de racismo, entregador Matheus Pires ultrapassa marca de 1 milhão de seguidores no Instagram

54
Matheus Pires, entregador que foi vítima de racismo em São Paulo – Reprodução/Instagram (Montagem: Área Vip)

Razões para acreditar! Nestes últimos dias, um vídeo que gerou uma grande revolta nas redes sociais movimentou os internautas e moveu uma grande campanha nas plataformas. Isso porquê, conforme já se tornou assunto aqui no seu Área VIP, um entregador de comidas foi vítima de comentários racistas em um condomínio em Valinhos, interior de São Paulo.

+ Renata Fan pode perder programa nas manhãs da Band após 13 anos

Nele, o entregador que possui o nome de Matheus Pires, foi recepcionado com comentários preconceituosos e inúmeras humilhações promovidas por um morador da região e o vídeo em questão caiu nas redes sociais, gerando mobilização e chegando aos olhos de importantes nomes da mídia como o apresentador Luciano Huck, além de cantoras como Marília Mendonça e Ludmilla e as atrizes Cleo e Marina Ruy Barbosa.

+ Em meio a crise, cantor sertanejo coloca mansão à venda por valor abaixo do mercado

Além de ter sido preenchido com grande ajuda do público, a explosão de seguidores do motoboy foi automática e ele conseguiu ultrapassar a marca de 1 milhão de admiradores em sua conta oficial do Instagram. Há males que vem para o bem, já diz o famoso ditado popular, e o entregador foi presentado com uma moto nova do humorista Matheus Ceará, do SBT.

+ CNN Brasil enfrenta dificuldades após ‘golpe’ de Reinaldo Gottino

Nas redes sociais, o famoso deu detalhes da entrega do presente: “Aí Galera! Achamos o Matheus e já entregamos a moto para ele. A história está nos Stories. Só seguir lá e ver. Como disse anteriormente, não quero saber o que houve, mas o vídeo me sensibilizou e me identifiquei. E aí o Douglas Nascimentto fez o corre. Bora pra próxima”, escreveu o Ceará no Instagram aos mais de 2 milhões de seguidores.

View this post on Instagram

Obrigado pelo carinho, sem palavras pra agradecer!!!

A post shared by Matheus Pires (@matheuspiresdd) on

Luciano Huck presenteia motoboy vítima de racismo no interior de São Paulo

Luciano Huck presenteia motoboy vítima de racismo no interior de São Paulo – Reprodução (Montagem: Área VIP)

Você certamente já deve ter se deparado com um vídeo polêmico que tomou conta das redes sociais ao longo desta sexta-feira (7), no qual um motoboy foi vítima de inúmeros comentários racistas em um condomínio em Valinhos, interior de São Paulo. A cena gerou uma grande revolta entre os internautas e chegou aos olhos do apresentador Luciano Huck.

+ Saiba mais detalhes da denúncia do Ministério Público contra Felipe Prior por estupro

Em sua conta oficial do Instagram, o comandante do ‘Caldeirão do Huck’ publicou um vídeo em que surgiu conversando com Matheus Pires, o entregador que foi vítima das ofensas ao fazer a entrega. “Vergonha, tristeza e revolta. Foi o que senti quando recebi este vídeo. Nele está tudo contra o que lutamos. Matheus Pires foi corajoso e não baixou a cabeça pro preconceito”, disse o contratado da Globo.

+ Naldo Benny expõe verdadeira situação após filho de 23 anos ser detido com drogas

“Temos de nos unir à luta de Matheus para mudar o Brasil. Este vídeo é revoltante. É um dever como cidadão denunciá-lo”, escreveu, na legenda da publicação. No bate-papo, o rapaz deu maiores detalhes da confusão que foi filmada, onde o homem esbravejava contra ele dizendo que o mesmo “tinha inveja” da pele dele, que é branco.

+ Apresentador da Rede Massa, afiliada do SBT, testa positivo para novo coronavírus

Matheus entrou com um boletim de ocorrência e contou que estava trabalhando com a moto do pai, visto que a dele tinha quebrado. O marido da apresentadora Angélica, então, fez um singelo ato de humildade e resolveu ajudar o motoboy. “Parabéns por ter denunciado, por ter compartilhado de alguma forma essa violência que você sofreu… A moto que fundiu o motor… Conta comigo! Fica com Deus”, disse.

Luciano Huck presenteia motoboy vítima de racismo no interior de São Paulo, confira:

Irmão de Luciano Huck revela ajuda de Caetano Veloso para aceitação como ‘homem gay’

2
Irmão de Luciano Huck e o namorado – Reprodução: Instagram

Nesta sexta-feira (7), está sendo dia de festa e celebração, visto que o cantor Caetano Veloso está comemorando seus 78 anos de idade. Em meio as inúmeras homenagens recebidas por fãs e famosos, o irmão do apresentador Luciano Huck aproveitou para recorrer nas redes sociais e emocionou com uma homenagem daquelas ao músico.

+ Após desmarcar casamento, Lucas Lucco toma decisão sobre o relacionamento com Lorena

Fernando Grostein, diretor de cinema, e que está namorando há pouco mais de quatro anos com ator Fernando Siqueira, contou que cresceu num ambiente assolado pelo conservadorismo, e que contou com o auxílio do artista em uma das fases mais importantes da sua vida.

+ Zé Neto gera polêmica com comentário: “Se tem a Maria da Penha cadê a João da Lapa?”

“Feliz aniversário, Caetano! Meu amigo querido que me ensinou tanto na vida quando mais precisei. Cresci num ambiente conservador! Quando tive a oportunidade de fazer o filme ‘Coração Vagabundo’, minha vida mudou”, iniciou, fazendo referência a um documentário lançado em meados de 2009, que traz a saga de Caetano Veloso durante uma turnê pelos Estados Unidos e o Japão.

+ Rafa Kalimann fatura verdadeira bolada com as redes sociais

“Caetano e Paula [Lavigne, esposa do cantor] me apresentaram uma nova forma de ver o mundo e me ajudaram muito a me aceitar como um homem gay e ser feliz! Admiração e gratidão infinitas! Amo vocês!”, escreveu ele, deixando o público emocionado com a declaração, onde foi recepcionado com inúmeros elogios dos internautas de plantão.

Por falar no irmão de Huck, a mãe dos dois, Marta Grostein abriu o jogo sobre como reagiu após o filho ter assumido para ela sobre sua orientação sexual. “Essa revelação foi muito inesperada para mim, me pegou de surpresa, desprevenida, algo que nunca tinha passado pela minha cabeça. Imediatamente muitos fantasmas vieram à minha mente, e eu comecei a chorar”, disse. – Veja tudo aqui!

Luciano Huck relembra a história dos avós que tiveram o destino traçado em meio ao caos

0
Luciano Huck – TV Globo

Neste último domingo (26) foi comemorado o Dia dos Avós. Para celebrar tal data, Luciano Huck decidiu rememorar a trajetória dos avós maternos, os únicos com quem teve contato.

Em um clique publicado no Instagram do apresentador, ele surge, ainda pequeno, envolvido no colo dos avós Matilde e Maurício. A história do casal teve início fora do Brasil.

+Eliane Giardini, no Dia dos Avós presta homenagem ao neto, falecido no ano passado

Eu e meus amados avós Matilde e Maurício. A história dos meus avós maternos – os únicos que cheguei a conhecer – começa na Europa, entre a Primeira e a Segunda Guerras Mundiais, uma época de turbulência política e social, e passa pelo Uruguai e pela Argentina, antes de começar a ser escrita no Brasil, em São Paulo. Meu avô, nasceu em 1920 numa cidadezinha chamada Ekaterinoslav, no sudoeste da Ucrânia. Como muitos judeus daquele tempo, seus pais haviam saído de Grajewo, na Polônia, fugindo de uma perseguição religiosa cada vez mais intensa. Em busca de uma terra menos hostil, a família juntou o que tinha e partiu em uma carroça de madeira, empilhada de móveis e pertences. Tinham que sair da Europa.
Já minha avó, Matilde, vivia em Brody, uma cidade polonesa até 1932, qdo se tornou parte da Ucrânia. A família da minha avó também enfrentou anos de perseguições antissemitas. E tb só restou a opção de fugir.

+Sabrina Sato abre álbum de fotos da família para celebrar o Dia dos Avós

Em uma oportunidade traçada pelo destino, Luciano Huck revela que, após a fuga de toda a turbulência a fim de encontrar a paz e segurança, ambos foram parar na America Latina, onde tiveram seus caminhos cruzados: “Por uma dessas coincidências da vida, ambas as famílias escolheram como destino o Uruguai. Em Montevideo os dois jovens expatriados se conheceram, dançando. Como minha avó me contava. Casados se mudaram p/ Buenos Aires, atrás de melhores oportunidades. Mas o antissemitismo estava sempre à espreita. Assustados c/a propaganda do governo de Juan Perón contra os judeus, meus avós decidiram deixar a Argentina. Iriam voltar a Montevidéu” lembrou o artista.

Contudo, os planos não acabaram como planejados e, ao invés de voltarem para o Urugai, o casal se identificou com o Brasil e por aqui ficou: “O navio fez uma escala em Santos, onde desembarcaram no Brasil para uma visita. E por aqui passaram o resto da vida.
Muitas saudades. Feliz Dia dos Avós”, celebra o Huck em memória aos eternos avós.

Veja ao post:

View this post on Instagram

Eu e meus amados avós Matilde e Maurício. ❤️ A história dos meus avós maternos – os únicos que cheguei a conhecer – começa na Europa, entre a Primeira e a Segunda Guerras Mundiais, uma época de turbulência política e social, e passa pelo Uruguai e pela Argentina, antes de começar a ser escrita no Brasil, em São Paulo. Meu avô, nasceu em 1920 numa cidadezinha chamada Ekaterinoslav, no sudoeste da Ucrânia. Como muitos judeus daquele tempo, seus pais haviam saído de Grajewo, na Polônia, fugindo de uma perseguição religiosa cada vez mais intensa. Em busca de uma terra menos hostil, a família juntou o que tinha e partiu em uma carroça de madeira, empilhada de móveis e pertences. Tinham que sair da Europa. Já minha avó, Matilde, vivia em Brody, uma cidade polonesa até 1932, qdo se tornou parte da Ucrânia. A família da minha avó também enfrentou anos de perseguições antissemitas. E tb só restou a opção de fugir. Por uma dessas coincidências da vida, ambas as famílias escolheram como destino o Uruguai. Em Montevideo os dois jovens expatriados se conheceram, dançando. Como minha avó me contava. Casados se mudaram p/ Buenos Aires, atrás de melhores oportunidades. Mas o antissemitismo estava sempre à espreita. Assustados c/a propaganda do governo de Juan Perón contra os judeus, meus avós decidiram deixar a Argentina. Iriam voltar a Montevidéu. O navio fez uma escala em Santos, onde desembarcaram no Brasil para uma visita. E por aqui passaram o resto da vida. Muitas saudades. Feliz Dia dos Avós.

A post shared by Luciano Huck (@lucianohuck) on

Colaborou: Marcelo Pascoal

Luciano Huck mostra nova rotina na Globo: “É a coisa mais estranha nos últimos 20 anos”

3
Luciano Huck
Luciano Huck (Reprodução / Instagram)

As dependências dos estúdios Globo sofreram muitas alterações por conta da pandemia e, na volta das gravações de “Quem quer ser um milionário”, Luciano Huck se surpreende com a quantidade de adaptações.

Logo na entrada, em direção ao estúdio, Huck se depara com o alerta para manter distância e tem sua temperatura medida, até aí medidas comuns nos ambientes onde há aglomerações. Em seguida teve que manter os pés por 15 segundos sobre uma espécie de tapete para esterilizar as solas dos sapatos.

+Márcio Garcia pode ganhar programa de auditório na Globo em breve

Ao dar de cara com um dos funcionários envolvido em uma roupa especial de proteção, Luciano Huck exclama: “Caraca. Tá tipo indo pra lua!”, mas ainda não tinha visto nada.

É possível ver o recipiente para higienizar as mãos e logo registra outro funcionário esterilizando a maçaneta da porta do camarim. Dentro do ambiente, o apresentador mostra detalhes dos figurinos: “Tudo higienizado. Tudo super protegido, item por item”, comenta sobre os itens dentro de sacos plásticos.

Por conta da situação, Huck revela a necessidade de mudar alguns hábitos: “Eu sempre fiz reunião no camarim antes da gravação. Agora não pode”. Indo a caminho do ‘novo’ local destinado a reunião, ele mostra uma sala ampla que geralmente é usada para ensaio e aponta os alertas no chão que separa o pessoal da ilha de edição da equipe que fica no estúdio ao lado dele: “é tipo cada um no seu quadrado”.

+Depois de polêmica, Globo inclui Regina Duarte em divulgação de Vale Tudo

Ao chegar no estúdio a surpresa é grande: “Caraca, aqui não tem mais ninguém em lugar nenhum. O estúdio é meio fantasma”, comentou. Luciano Huck mostrou até o momento em que o microfone é esterilizado, como parte do processo de proteção.

Depois de cumprimentar a plateia virtual, o apresentador desabafa: “É a coisa mais estranha dos últimos vinte anos eu entrar aqui no estúdio ‘E’ e ‘F’ e não ter barulheira, não ter gente”. Inclusive no centro do palco ele repara a adaptação feita para ele receber o participante do quadro do programa: “A gente tem a segurança de um acrílico entre eu e o personagem, então a gente esta a exatos 2,5 metros de distância um do outro”, indica, afirmando a importância da segurança. O apresentador mostrou tudo através de seu Stories no Instagram.

Colaborou: Marcelo Pascoal

Luciano Huck volta a gravar ‘Caldeirão’ nos estúdios Globo

23
Luciano Huck interage com plateia virtual no estúdio – TV Globo/Divulgação

Depois de três meses lidando com a pandemia do novo coronavírus, a TV Globo, aos poucos, vem retomando os programas nos estúdios da emissora, em Jacarepaguá, no Rio de Janeiro. Depois de Fátima Bernardes no ‘Encontro’, agora é a vez de Luciano Huck voltar as atividades presenciais.

Estreia de Larissa Manoela na Globo é adiada

Na divulgação da volta do ‘Caldeirão do Huck’, a emissora falou que “nos últimos meses, a Globo se adaptou à nova realidade, aprendeu outras formas de trabalhar”. Para gravar o programa, a casa “criou um rigoroso Protocolo de Segurança e está avançando aos poucos na retomada das gravações”.

A primeira gravação do apresentador aconteceu na quarta-feira (01) e apenas o apresentador esteve presencialmente no estúdio, onde gravou entrevistas especiais. O programa também contará com um novo episódio do quadro ‘Gonga la gonga’ e a bancada do ‘Que tal um pouco de esperança e boas notícias’.

Globo rescinde contrato para transmissão do Campeonato Carioca

Seguindo uma nova realidade, a Globo avisou que a plateia, todas as atrações e convidados entraram no programa remotamente através de vídeo. O público participa das gravações e conversa com Luciano Huck através de uma chamada de vídeo exibida no telão.

Globo contrata grande atriz do ‘Porta dos Fundos’ para nova novela das sete

O ‘Caldeirão do Huck’ em novo formato será exibido a partir do dia 18 de julho, sábado, após a ‘Sessão de Sábado’. O programa tem direção artística de Hélio Vargas e direção geral de Clarissa Lopes.

No ‘Caldeirão’, Luciano Huck anuncia retorno às gravações na Globo

1
Luciano Huck – Reprodução/Globo

Em quarentena e nos devidos cuidados em virtude da pandemia do novo coronavírus, Luciano Huck está cada vez mais perto de retomar aos trabalhos dentro da Globo. Gravando ao programa diretamente da sua casa, no qual está sob companhia da esposa, Angélica, e dos filhos, ele anunciou que estará de volta aos Estúdios Globo muito em breve.

+ Luciano Huck relata acidente doméstico envolvendo Angélica: “A gente vai se recuperar”

A atração, inclusive, está contendo reapresentações de alguns quatro antigos e exibindo conteúdos inéditos, gravados antes da pandemia. Durante a exibição do ‘Caldeirão do Huck’ deste sábado (20), ele adiantou: “A gente continua gravando aqui em casa. A Globo já está se reorganizando, em breve, se Deus quiser estaremos de volta aos estúdios com toda a segurança necessária para que a nossa equipe possa trabalhar e fazer um programa muito bacana para você”, iniciou.

+ Mãe de Luciano Huck entrega reação após filho afirmar que é gay

O artista, por sua vez, destacou a importância do isolamento social, principalmente em meio ao grande crescimento do número de casos de Covid-19 no nosso país – em que já ultrapassou a marca de 1 milhão em questão de três meses. “Essa semana, a gente teve vários estados brasileiros que começaram o relaxamento do isolamento social, reabrindo parte do comércio. Tenho uma percepção que muita gente acha que a pandemia acabou, não é verdade”, lamentou.

+ Luciano Huck faz revelação íntima sobre Angélica no Dia dos Namorados

“A gente está enfrentando uma séria crise de saúde, então tem que se cuidar mesmo. Não tem vacina, não tem remédio ainda. Preste atenção no que o jornalismo tem falado”, aconselhou o apresentador. Vale lembrar que ele recentemente rasgou críticas ao Governo Federal, liderado pelo presidente Jair Bolsonaro, e cobrou posicionamento em meio à crise instaurada no Brasil.

Luciano Huck volta aos trabalhos dentro da Globo em meio a quarentena

5
Luciano Huck volta aos trabalhos dentro da Globo em meio a quarentena – TV Globo

A Globo, aos poucos, está retomando as atividades no setor de entretenimento. Com uma previsão para o retorno das gravações de suas novelas, alguns programas de auditório estarão voltando à telinha com conteúdo inédito. Um dos primeiros, por sua vez, será o ‘Caldeirão do Huck’, exibido nas tardes de sábado do canal carioca.

+ Sertanejo Luan Santana quebra recorde histórico na Globo no Ibope com live

Luciano Huck, apresentador do formato, está nos preparativos para retorno das atividades na Platinada. De acordo com informações concedidas pelo jornalista Flávio Ricco, do portal R7, se caso nada mude até lá, as previsões são de que o marido de Angélica volte às atividades nos estúdios a partir do próximo dia 26 de junho, sendo as poucos, a começar com novas ações de merchandising.

+ Globo paralisa trabalhos à distância da substituta de ‘Salve-se Quem Puder’

No mês seguinte, em julho, é avaliado a possibilidade da rodagem das primeiras gravações da nova leva de episódios do game show de sucesso ‘Quem Quer Ser Um Milionário’, veiculado no vespertino, sendo programado para o dia 8 de julho, com convidados no estúdio e a plateia virtual – tática esta que passou a ser usada não só pela rede, como também no SBT e provavelmente na Record, Band e RedeTV!.

+ Rafa Kalimann é cotada para ser protagonista do remake da novela ‘Pantanal’, na Globo

O futuro da mulher de Huck, no entanto…

Segue sendo cada vez mais incerto. Afastada das telinhas desde meados de abril de 2018 com a extinção do ‘Estrelas’, os trabalhos intensos em torno do novo programa de Angélica, ‘Simples Assim’, idealizado pela própria, viria a ser lançado no último mês de abril, mas foi engavetado e não será lançado neste ano devido a pandemia do novo coronavírus. – Saiba mais detalhes!