domingo, 25 de julho de 2021

Últimas

Sertanejo Luciano Camargo recorda perda do pai e lamenta: “Não pude receber um abraço”

-

Elisangela Ribeiro
Jornalista e Radialista com passagens por emissoras como Top FM, Band e Capital AM. No Área VIP atuo como web redatora especializada em celebridades, famosos e o universo Sertanejo.

Comente

Veja também

- Continua após o Banner -

Luciano Camargo e Seu Francisco - Reprodução: Instagram - Montagem: Área VIP
Luciano Camargo e Seu Francisco – Reprodução: Instagram Montagem: Área VIP

- Continua após o anúncio -

Luciano Camargo resolveu relembrar de uma passagem muito triste em sua vida. O sertanejo ainda se emociona quando se lembra de quando recebeu a notícia de que seu pai, Seu Francisco, tinha morrido. A revista Quem ele falou.

+Sertanejo Luciano Camargo celebra 30 anos da música É o Amor

Na ocasião, o artista não pode comparecer ao enterro do pai porque tinha contraído a covid-19, e se mantinha em isolamento em um quarto na sua residência, onde vive com a família, o sertanejo precisou viver seu luto sozinho.

- Continua após o anúncio -

Quando peguei Covid, a primeira coisa que fiz foi me isolar. Graças a Deus a minha casa é grande e consegui fazer isso. Perdi olfato, paladar e tinha uma dor de cabeça muito forte, mas estava tranquilo”.

O pior momento foi quando soube de madrugada, no quarto em que estava isolado, que meu pai tinha morrido. Quando você perde alguém, só quer um abraço”.

- Continua após o anúncio -

+Luciano Camargo diz que disco gospel prejudicou sua carreira

Não pude receber um abraço de conforto e nem estar com meus familiares neste momento de fragilidade coletiva para dividir a dor”, conta ele, que esperou a manhã chegar para dar a notícia para sua mulher e filhas.

“Recebi a notícia de que meu pai não estava reagindo, e que eles iam esperar para ver como ele reagiria. Não pude contar para ninguém porque estava isolado. Quando elas acordaram, chamei as três e fiquei chorando.”

+Sertanejo Luciano Camargo celebra 30 anos da música É o Amor

“As minhas filhas com as mãos entrelaçadas no peito olhando para mim sem entender nada. Elas nunca tinham tido uma perda, essa foi a primeira notícia de morte, e elas não podiam dar um abraço no pai. Foi muito dolorido, uma dor física.”, disse o cantor.

“Eu já estava me preparando inconscientemente para a partida dele. Fiquei com ele três dias, uma semana antes. Abracei muito meu pai no hospital. A gente ficou vendo clipes gospel na TV. Tenho certeza que meu pai aceitou de fato Jesus e há muito tempo. A morte do meu pai aqui na terra não é o fim, é o começo”.

“Aquele abraço que dei nele, acabou sendo uma despedida antecipada. Sei que vou encontrar meu pai de novo e vai ser um abraço eterno.”

- Continua após o anúncio -

+ Novidade: Área VIP no Telegram – Clique Aqui e fique por dentro!

E tem muito mais para você: Baixe o app Área VIP – TV e Famosos ou siga o Área VIP no Google Notícias e receba as informações mais quentes do entretenimento com tudo o que acontece no mundo da TV e dos FamososClique Aqui!

Elisangela Ribeiro
Jornalista e Radialista com passagens por emissoras como Top FM, Band e Capital AM. No Área VIP atuo como web redatora especializada em celebridades, famosos e o universo Sertanejo.

Últimas TV & Famosos