fbpx
quinta-feira, 6 de maio de 2021

Últimas

Sertanejo Luciano Camargo recorda perda do pai e lamenta: “Não pude receber um abraço”

-

Elisangela Ribeiro
Jornalista e Radialista com passagens por emissoras como Top FM, Band e Capital AM. No Área VIP atuo como web redatora especializada em celebridades, famosos e o universo Sertanejo.

Comente

Veja também

- Continua após o Banner -

Luciano Camargo e Seu Francisco - Reprodução: Instagram - Montagem: Área VIP
Luciano Camargo e Seu Francisco – Reprodução: Instagram Montagem: Área VIP

- Continua após o anúncio -

Luciano Camargo resolveu relembrar de uma passagem muito triste em sua vida. O sertanejo ainda se emociona quando se lembra de quando recebeu a notícia de que seu pai, Seu Francisco, tinha morrido. A revista Quem ele falou.

+Sertanejo Luciano Camargo celebra 30 anos da música É o Amor

Na ocasião, o artista não pode comparecer ao enterro do pai porque tinha contraído a covid-19, e se mantinha em isolamento em um quarto na sua residência, onde vive com a família, o sertanejo precisou viver seu luto sozinho.

- Continua após o anúncio -

Quando peguei Covid, a primeira coisa que fiz foi me isolar. Graças a Deus a minha casa é grande e consegui fazer isso. Perdi olfato, paladar e tinha uma dor de cabeça muito forte, mas estava tranquilo”.

O pior momento foi quando soube de madrugada, no quarto em que estava isolado, que meu pai tinha morrido. Quando você perde alguém, só quer um abraço”.

- Continua após o anúncio -

+Luciano Camargo diz que disco gospel prejudicou sua carreira

Não pude receber um abraço de conforto e nem estar com meus familiares neste momento de fragilidade coletiva para dividir a dor”, conta ele, que esperou a manhã chegar para dar a notícia para sua mulher e filhas.

“Recebi a notícia de que meu pai não estava reagindo, e que eles iam esperar para ver como ele reagiria. Não pude contar para ninguém porque estava isolado. Quando elas acordaram, chamei as três e fiquei chorando.”

+Sertanejo Luciano Camargo celebra 30 anos da música É o Amor

“As minhas filhas com as mãos entrelaçadas no peito olhando para mim sem entender nada. Elas nunca tinham tido uma perda, essa foi a primeira notícia de morte, e elas não podiam dar um abraço no pai. Foi muito dolorido, uma dor física.”, disse o cantor.

“Eu já estava me preparando inconscientemente para a partida dele. Fiquei com ele três dias, uma semana antes. Abracei muito meu pai no hospital. A gente ficou vendo clipes gospel na TV. Tenho certeza que meu pai aceitou de fato Jesus e há muito tempo. A morte do meu pai aqui na terra não é o fim, é o começo”.

“Aquele abraço que dei nele, acabou sendo uma despedida antecipada. Sei que vou encontrar meu pai de novo e vai ser um abraço eterno.”

- Continua após o anúncio -

+ Novidade: Área VIP no Telegram – Clique Aqui e fique por dentro!

E tem muito mais para você: Baixe o app Área VIP – TV e Famosos ou siga o Área VIP no Google Notícias e receba as informações mais quentes do entretenimento com tudo o que acontece no mundo da TV e dos FamososClique Aqui!

Elisangela Ribeiro
Jornalista e Radialista com passagens por emissoras como Top FM, Band e Capital AM. No Área VIP atuo como web redatora especializada em celebridades, famosos e o universo Sertanejo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Últimas TV & Famosos