Vera Fischer e Xuxa – Montagem/Área VIP

Conforme já noticiado aqui no seu Área VIP, Vera Fischer está afastada das telinhas, mas já prepara-se para seu tão aguardado retorno às telonas após quase duas décadas longe das atividades no ramo. Ela, que possui papéis memoráveis em sua longeva passagem nos cinemas – seu primeiro trabalho foi em meados de 1972 -, foi mais a fundo, em entrevista concedida ao portal UOL, ao revelar detalhes do polêmico filme que marcou uma geração.

+ Flavia Pavanelli é flagrada aos beijos com ex-marido de cantora sertaneja

‘Amor Estranho Amor’, de 1982, estrelado pela própria, foi um grande feito na sua carreira, no qual lhe rendeu prêmios, mas também, até os dias de hoje é lembrado por um único fato: a cena íntima na qual Xuxa Menegehel, na época com 17 anos, aparece aliciando um menino de 12 em cenas do drama romântico.

+ Munik Nunes realiza série de cirurgias plásticas e surge ‘dopada’ em meio a desabafo

Repleto de cortes impostos pela censura ainda mais agravada na época – embalada pelos anos da Ditadura Militar -, o filme foi impedido de ser comercializado na década seguinte, em 1991, após uma ação judicial movida pela a apresentadora da Record diante do escândalo da sequência. “Essa proibição foi um desrespeito a todos que trabalharam no filme”, reclama Vera.

+ Carlinhos Maia tasca beijaço no marido, Lucas Guimarães, pela primeira vez em público

O longa foi a penúltima produção na qual a artista, hoje com 68, atuou contracenando com a eterna Rainha dos Baixinhos. Isso porquê, em 2002, ela esteve em ‘Xuxa e os Doendes 2 – No Caminho das Fadas’, onde fez uma participação especial na pele de uma rainha das fada. Sua experiência, segundo a própria relatou, foi a mais desagradável possível.

“Eu estava fazendo a novela Laços de Família, o diretor era o Rogério Gomes, que também estava dirigindo o filme da Xuxa, e insistiu para que eu fizesse uma participação, disse que seria um ou dois dias apenas e eu estava num sítio perto de onde aconteciam as filmagens”, desabafa, entrando em detalhes com o show de antipatia promovido pela mãe de Sasha Meneghel. “Eu estava super queimada de sol, marrom, e perguntei como poderia fazer uma fada, mas ele disse que tudo bem, insistiu, eu topei e fui. A Xuxa nem olhou na minha cara. Tive que usar aquelas orelhas de elfo, peruca e lente branca. Quando me olhei tomei um susto, parecia o monstro das trevas”, relembra.

“Fiquei horrorizada com o jeito que a Xuxa tratava os atores, dando ordens o tempo todo, ‘faz isso, faz aquilo’. Eu até perguntei para o Rogério sobre isso, afinal ele era o diretor, mas ele disse que não podia fazer nada porque ela era também a produtora do filme”, completa a atriz. Que situação!



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here