MSN

domingo, 21 de julho de 2024

Viúva de Guilherme de Pádua prepara ambicioso projeto para reviver o ‘legado’ do marido

Juliana Lacerda contou aos seus seguidores que elabora um livro voltado às narrativas das histórias de vida de Guilherme de Pádua.

-

-

Henrique Furtado
Henrique Furtado
Venha fazer parte da nossa equipe de colaboradores! Saiba mais!
Juliana Lacerda e Guilherme de Pádua
Juliana Lacerda e Guilherme de Pádua – Foto: Reprodução/Instagram

Juliana Lacerda, viúva do ator Guilherme de Pádua, que faleceu no ano passado em virtude de um infarto, anunciou aos seus seguidores do Instagram as pretensões para um projeto por meio do qual o legado de seu marido será revivido. Através dos stories, a maquiadora informou a confecção de um livro onde a trajetória de vida e o relacionamento entre ela e o condenado pelo assassinato de Daniella Perez será narrado com detalhes.

- Continua após o anúncio -

Ainda que almeje a divulgação da obra, Juliana Lacerda confessou o desejo de fugir da fama, muito embora esteja inevitavelmente associada à imagem de Guilherme de Pádua e às polêmicas que em vida ele protagonizou. “A morte do justo”, como definiu o trabalho, ainda não tem data prevista para o lançamento.

Viúva de Guilherme de Pádua é internada em hospital psiquiátrico

De acordo com a viúva, Guilherme de Pádua teria cumprido todos os seus propósitos de vida, razão pela qual descansa em paz neste momento. “Em primeira mão para vocês, eu vou, sim, escrever um livro sobre tudo que eu passei. Mas não vai ser basicamente sobre o Guilherme. O meu amor vai descansar em paz; ele foi feliz aqui e a trajetória aqui ele cumpriu”, disse.

- Continua após o anúncio -

Por outro lado, Juliana Lacerda garantiu que as polêmicas envolvendo Guilherme de Pádua não serão mencionadas no livro. “Terão só relatos positivos sobre ele, porque eu não tenho o que falar mal”, acrescentou.

Na mesma interação com os seguidores, Juliana Lacerda fez um raro comentário sobre o falecimento de Guilherme de Pádua. Segundo ela, o ator perdeu a vida nos seus braços ao ser acometido pelo infarto. “Ele morreu nos meus braços e morreu com a melhor pessoa do mundo, não que eu queria ser, mas porque eu o amava, o respeitava e eu era fiel completamente”, ponderou.

- Continua após o anúncio -

Juliana Lacerda faz tatuagem em homenagem a Guilherme de Pádua

Guilherme de Pádua protagonizou um dos casos policiais com a maior cobertura jornalística da história da imprensa brasileira. Ele foi condenado pelo assassinato da atriz Daniella Perez, ocorrido em 1992, com quem contracenava em uma novela da Rede Globo. O corpo da jovem foi encontrada em uma área de mata com indícios de que tenha passado por uma espécie de ritual.

- Continua após o anúncio -

Continue por dentro com a gente: Google Notícias , Telegram , Whatsapp

Henrique Furtado
Henrique Furtado
Venha fazer parte da nossa equipe de colaboradores! Saiba mais!