A polícia britânica afirmou nesta quarta-feira que o estilista britânico Alexander McQueen morreu em decorrência de enforcamento e que sua morte foi suicídio, informa o jornal Extra. As afirmações foram feitas após a conclusão da autópsia do estilista de 40 anos, encontrado morto em sua casa semana passada, na zona oeste de Londres, às vésperas do enterro da mãe.

Segundo o detetive Paul Armstrong, o corpo foi achado pela irmã da vítima, Janet McQueen. Uma carta escrita por McQueen foi encontrada no local, afirmou Armstrong, que não deu detalhes do conteúdo da nota. De acordo com o detetive, não há circunstâncias suspeitas no caso.

McQueen morreu dias antes do início da Semana de Moda de Londres, que começa no próximo dia 19.

Em uma mensagem em sua página no Twitter, datada de 3 de fevereiro, McQueen havia comunicado aos seus seguidores que sua mãe havia falecido. Dias depois, enviou novo texto contando que estava passando por uma "semana terrível", mas que os amigos eram "ótimos" e que ele estava conseguindo se recuperar.



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here