Roberto Carlos parabeniza Marisa Monte por seu aniversário

O rei Roberto Carlos compartilhou em seu Instagram a homenagem que prestou a cantora Marisa Monte.

Com covid-19, Eliana revela o que tem feito para passar o tempo

A apresentadora compartilhou com seguidores qual a sua companhia nas madrugadas.

Exclusivo! Silvia Poppovic abre o coração e fala das demissões dos ex-colegas...

Confira a entrevista exclusiva que Silvia Poppovic concedeu para nossa repórter Ana Paula Abrão ao Área VIP!

Marina Ruy Barbosa mostra presentes que recebeu de aniversário

A atriz compartilhou em seu Instagram o que ganhou de presente de aniversário.

Filhos de Leonardo sofrem acidente de carro

A família passou por mais um grande susto quando o carro do cantor capotou na estrada

Hoje no Brasil: Novas mortes por Covid-19, Bolsonaro provoca aglomeração e quarentena se estende em SP

-

Sobe números da Covid-19, Jair Bolsonaro em Goiás e Bruno Covas fala em São Paulo – Montagem Área Vip

O Brasil registrou 956 novas mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas, chegando ao total de 28.834. O resultado representou um aumento de 3,4% em relação a ontem (29), quando foram contabilizados 27.878 óbitos provocados pela doença. Os números foram divulgados, no início da noite de hoje (30), no balanço do Ministério da Saúde.

Foram incluídas nas estatísticas 33.274 novas pessoas infectadas com o novo coronavírus, somando 498.440 casos confirmados. O resultado marcou um acréscimo de 7,2% em relação a ontem, quando o número de pessoas infectadas estava em 465.166.

Do total de casos confirmados, 268.714 (53,9%) estão em acompanhamento e 200.892 (40,3%) pacientes se recuperaram. Há ainda 3.862 óbitos sendo analisados. São Paulo se mantém como epicentro da pandemia no país, concentrando o maior número de mortes (7.532). O estado é seguido pelo Rio de Janeiro (5.277), Ceará (2.956), Pará (2.900) e Pernambuco (2.740).

Cantor Evaldo Gouveia morre após contrair coronavírus

Além disso, foram registradas mortes no Amazonas (2.047), Maranhão (932), Bahia (638), Espírito Santo (583), Alagoas (424), Paraíba (347), Rio Grande do Norte (305), Minas Gerais (263), Rio Grande do Sul (218), Amapá (215), Paraná (181), Piauí (157), Rondônia (151), Distrito Federal (162), Santa Catarina (136), Sergipe (149), Acre (142), Goiás (122), Roraima (110), Tocantins (71), Mato Grosso (57) e Mato Grosso do Sul (19).

Já em número de casos confirmados, aparecem nas primeiras posições do ranking São Paulo (107.642), Rio de Janeiro (52.420), Ceará (46.056), Amazonas (40.560) e Pará (37.296). Entre as unidades da federação com mais pessoas infectadas estão ainda Permambuco (33.427), Maranhão (32.620), Bahia (17.626), Espírito Santo (13.437) e Paraíba (12.862).

Fonte: Agência Brasil

Sem máscaras, Bolsonaro provoca aglomeração em Goiás – Instagram

Sem máscara, Bolsonaro provoca aglomeração em cidade de Goiás

Neste sábado (30), Jair Bolsonaro, provocou aglomeração em uma lanchonete neste sábado. Pela manhã, Bolsonaro embarcou em helicóptero no Palácio da Alvorada e foi em direção a Abadiânia, no interior de Goiás. Ao lado do Ministro da Justiça André Mendonça acompanharam uma das ações da Operação Tamoio, na BR 060, entre o DF e Goiânia.

Hoje no Brasil: Números da Covid-19, Trump rompe com OMS e Bolsonaro tem prazo para se manifestar sobre ‘Fake News’

Durante a visita,  o passeio ele parou em um pequeno centro comercial na cidade, onde posou para fotos, cumprimentou pessoas, tirou selfies e parou em uma lanchonete, tudo sem usar máscara. Depois, ele foi ao Comando de Operações Especiais do Exército, onde conversou com militares. A recepção ao presidente foi gravada e divulgada no Facebook de Bolsonaro.

Bruno Covas – Agência Brasil/Rovena Rosa

Capital Paulista tem quarentena prorrogada até 15 de junho

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas, reforçou neste sábado (30)  que a quarentena contra disseminação do novo coronavírus continuará normalmente na capital paulista. De acordo com Covas, não haverá nenhum tipo de mudança na autorização de funcionamento dos setores que atualmente estão proibidos de abrir à população.

Segundo decreto publicado hoje no Diário Oficial do Município, o atendimento ao público em todos os estabelecimentos de atividades consideradas não essenciais continua vedado na cidade de São Paulo até o próximo dia 15 de junho.

Hoje no Brasil: Enquanto aumentam mortes por Covid-19, Bolsonaro defende abertura de shoppings e critica operação da Polícia Federal

Covas afirmou que  fiscais estarão  atentos. “Nada reabre na cidade de São Paulo a partir de 1º de junho. Já pedi tanto para a Vigilância Sanitária quanto para os fiscais das subprefeituras estarem atentos no 1º de junho porque nada reabre. Vai que tem algum desavisado que resolve reabrir no segunda-feira, ele precisa ser alertado que nada reabre a partir de segunda”, disse durante visita a obra na UPA Parelheiros, na zona sul da cidade.

Segundo o  prefeito, a partir da próxima segunda-feira o município começará a receber propostas para a reabertura dos setores representativos das atividades imobiliárias, concessionárias de veículos, comércios, escritórios e shopping centers. Esses setores deverão apresentar um planejamento, que inclui itens como a testagem dos funcionários, normas de higiene e regras de autorregulação para fiscalização. O detalhamento das exigências foram publicadas hoje no Diário Oficial do Município.

Fonte: Agência Brasil

Núcia Ferreirahttps://www.areavip.com.br/
Jornalista carioca com passagens pelas revistas Conta Mais, TV Brasil e TV Novelas. No site Área VIP, além de redatora, é repórter especialista em Celebridades, TV e Novelas.

25 COMENTÁRIOS

  1. Ele não é 100% culpado não, culpado é o povo q sabe o risco q corre e vai… Se todas as vezes q ele viesse a público e se deparasse só com os seguranças logo logo ele ia se dá conta do papel ridículo que está prestando. Fazendo agromeração! #forabozo

  2. Ta muito difícil de conversa um país desse onde tem pessoas que liga mas na vida do presente do que da própria vida deixa o cara trabalha vão cuida das vida de vocês e o mais emportate a vida e feita de momento e ele tá no momento dele ele e o Presidente acabou porra

  3. Gente eu não me interessa o que esse louco do presidente faz eu só me emporto com a minha vida com a minha saúde com a minha familia que são os bens mais preciosos que eu tenho agora os políticos olha não é só o presidente que não está nem ai pra nós não gente são todos eles não estão ligando pra nós eles estão brigando mais não e pelo povo não é pela ganância pelo o poder público a guerra e pra ver quem tem mais quem vai mandar mais isso e guerra de poder eles não querem saber quem morreu e sobreviveu não se emportam com esses medicos que estão cansados ha dias sem ver seus filhos suas esposas estão ficando sem forças vocês vê algum políticos elogiar esses seres humanos tão dedicados ah salvá vidas porque eu não vejo

  4. Ô povinho chato. Saindo dessa página que mais parece vizinho fofoqueiro que adora uma treta. Vão se lascar. Sd não conseguem uma notícia que valha a pena, não publica. Gente chataaaaaa. Estão de viseira que nem os burros. Só enxergam uma coisa na vida. Misericórdia

  5. Um presidente que não respeita a pandemia. O comportamento dele demonstra isso o tempo todo. Nunca insentivou o povo a usar máscaras e a manter distanciamento. Passa por cima da ciência querendo impor uma medicação que a medicina já recolheceu como ineficaz. Com essas atitudes ele ignora as vítimas da pandemia. Decepção

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Você por dentro!




site statistics