Nos bastidores do Criança Esperança, Luana Piovani foi cercada pelos jornalistas para desabafar sobre a recente condenação de Dado Dolabella, seu ex-namorado, por agredi-la.

“Não sou ninguém para dizer se a sentença foi exagerada ou não. Não sou juiza, fui só a vitima. Estou satisfeita e feliz por me livrar dessa história. Estou deixando as coisas antigas para trás”, disse Luana, que de acordo com a coluna Retratos da Vida do jornal Extra, afirmou que ainda testemunhará a favor da camareira Dona Esmê, também agredida pelo ator.



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here