O Universal Channel(NET, SKY e Vivax), canal de TV por assinatura especializado em filmes e séries, exibe no dia 24 de maio, quinta-feira, às 22h55, o What´s On Fatos Históricos, sobre filmes baseados em acontecimentos reais.

O programa começa com o longa “Todos os Homens do Presidente”, do diretor Alan J. Pakula (Inimigo Íntimo), que mostra os bastidores da investigação do escândalo Watergate. Os jornalistas Bob Woodward e Carl Bernstein, interpretados por Robert Redford (Um Lugar Para Recomeçar) e Dustin Hoffman (Perfume – A história de um assassino), revelaram um esquema de corrupção na Casa Branca que provocou a renúncia do presidente Richard Nixon em agosto de setenta e quatro.

A produção, baseada no livro All the President’s Men, de Bob Woodward e Carl Bernstein, foi lançada menos de dois anos após a saída de Nixon. O longa recebeu quatro estatuetas do Oscar: Melhor Ator Coadjuvante (Jason Robards), Melhor Direção de Arte, Melhor Som e Melhor Roteiro Adaptado. Foi ainda indicado em outras 4 categorias: Melhor Filme, Melhor Diretor, Melhor Atriz Coadjuvante (Jane Alexander) e Melhor Edição.

“A Lista de Schindler” (1993) também foi baseado em um livro, o Schindler\’s Art – mais tarde renomeado para Schindler\’s List – de Thomas Keneally. O filme, dirigido por Steven Spielberg, relata a história de Oskar Schindler, um Tcheco que salvou a vida de mais de mil judeus poloneses durante o Holocausto. O título se refere à lista de 1.200 judeus que Schindler contratou para trabalhar em sua fábrica a fim de tirá-los do campo de concentração.

A direção do filme foi oferecida a Martin Scorsese, que recusou a proposta dizendo que seria melhor que um diretor judeu o realizasse. A produção, que ganhou o Grammy de Melhor Composição Escrita para um Filme, faturou ainda 7 Oscars e recebeu outras 5 indicações. Além disso, “A Lista de Schindler” foi vencedor de três Globos de Ouro: Melhor Filme – Drama, Melhor Diretor e Melhor Roteiro.

Tom Hanks (O Náufrago) protagoniza o filme “Apollo 13”, que retrata o drama vivido por três astronautas americanos que, em uma missão a caminho da Lua, sobrevivem a uma explosão, mas precisam retornar rapidamente a Terra para poder sobreviver. O verdadeiro Jim Lovell – papel de Tom Hanks – faz uma ponta no filme, como o capitão da USS Iwo Jima.

O longa ganhou os Oscars de Melhor Edição e Melhor Som. Foi indicado, ainda, em outras 7 categorias. Recebeu, também, quatro indicações ao Globo de Ouro: Melhor Filme – Drama, Melhor Diretor, Melhor Ator Coadjuvante (Ed Harris) e Melhor Atriz Coadjuvante (Kathleen Quinlan).

Já “Titanic” usa o trágico naufrágio como pano de fundo de um romance fictício. A produção custou 200 milhões de dólares e rendeu mais de um bilhão e 800 milhões de dólares em bilheteria no mundo todo. Para filmarem Titanic, foi construída uma réplica idêntica do navio, só que 10% menor do que o navio original. Com o dinheiro gasto ao todo, seria possível construir o Titanic original.

O filme está em 2° lugar na lista dos filmes com mais erros – 243 no total – ficando atrás apenas de “Jurassic Park”, com 272 erros. Apesar, disso, o longa permaneceu na lista das 10 maiores bilheterias da semana, nos Estados Unidos, por quase seis meses e junto a “Ben-Hur” (1959) e “O Senhor dos Anéis – O Retorno do Rei” (2003). Titanic é o filme mais premiado na história do Oscar, com onze estatuetas.



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here