Felipe Monteiro/TV Globo
Felipe Monteiro/TV Globo

Após a pane geral, a energia na sala da máquina é reestabelecida. LC (Antonio Calloni) e Breno (Celson Reeks) continuam o processo com Lili (Juliana Paiva). Sem dó, nem piedade, o vilão diz à filha: “Sua traidora, vai ter o que merece! E vai ser pra sempre! Pra sempre! E tudo por causa do seu amorzinho! Do seu Marlon! O Marlon e a fórmula dele são os culpados de você ficar boba e obediente pro resto da vida! Passa seus últimos momentos como você mesma com isso na cabeça!”, diz LC, cheio de raiva.

Mas o sofrimento de Lili está perto do fim. Com cerca de 70% do corpo dentro da máquina, a jovem é surpreendida pela chegada de Marlon (Rodrigo Simas) e seu grupo. “Para essa máquina!”, ordena o rapaz. Ele tenta interromper o processo, mas não sabe operar a máquina. Marcelo (Igor Angelkorte) e Priscila (Laila Zaid) tentam ajudar, mas LC não recua e diz que colocará os três na máquina: “Vocês, seus ratos, tanto fizeram que acabaram entrando direitinho na casa do gato… E vai ser uma beleza ver todos vocês saindo da máquina, sorrindo.”

Mas Matias (Begê Muniz), sorrateiro, se aproxima de um dos seguranças e o desarma. Rafa (Vinícius Tardio), Marcelo e Pri atacam o outro segurança com a ajuda dos capangas de Kléber (Marcello Novaes), que também entram na briga. Mas LC acaba fugindo com Paulinha (Christiana Ubach).

Marlon ameaça Breno, que rapidamente aciona alguns botões, fazendo com que Lili se livre da máquina. “Você salvou minha vida, meu príncipe… Eu te amo”, diz a gata, às lágrimas. “E você salvou a minha, meu amor… Eu não consigo mais existir sem você”, retribui Marlon.

A cena vai ao ar na quinta-feira, 1º de maio.



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here