Carol Soares/SBT

O ‘De Frente Com Gabi’ deste domingo, 10 de novembro, recebe o músico e apresentador João Gordo. Ele começou em 1983 como integrante da cena punk em São Paulo sendo líder e vocalista do grupo Ratos de Porão. Depois, João Gordo se tornou figura comentada por suas performances incomuns e divertidas como apresentador e entrevistador do canal MTV. Na entrevista ele fala sobre seus planos para o futuro, sua carreira, sua infância e revela curiosidades de sua vida com a mulher e os filhos.

Confira as melhores frases da entrevista:

– Usei bastante droga. Minha vida pré-família foi muito louca e cheguei a ir para a UTI. Não sei como estou vivo, é sorte.

– Minha mulher apareceu na minha vida e disse: “Preciso falar que amo esse cara antes que ele morra”.

– Meus filhos foram um raio na minha cabeça e eu mudei muito.

– Eu era infeliz antes da minha família.

– Meu pai era policial e minha criação foi muito rígida. Eu era o gordinho que apanhava do pai. O rock deu minha identidade.

– Fui recepcionista em um flat-hotel em Higienópolis. Fui mandado embora por fumar maconha na garagem.

– Vamos falar sério… Minha banda nunca deu dinheiro e tive que buscar meu ganha-pão na TV.

– Achei o final da MTV meio patético, com aquelas comemorações todas.

– Tudo que tenho foi a MTV que me deu.

– Fiz uns pilotos, mas me considero muito louco para a TV aberta.

– Faz 10 anos que sou vegetariano. Sou o rei da moqueca de soja.

– Para mim, lugar de político corrupto não é na cadeia, é no caixão.

– Um arrependimento que tenho é ter usado muita droga.

O De Frente Com Gabi vai ao ar aos domingos, 0h, logo após o Programa Silvio Santos.



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here