Prêmio TV Aparecida/Divulgação
Prêmio TV Aparecida/Divulgação

O programa Arquivo A, da TV Aparecida, ficou em primeiro lugar no prêmio do Tribunal Superior do Trabalho. A reportagem sobre Trabalho Infantil no Estado do Pará concorreu com mais dois finalistas, na categoria Telejornalismo. A cerimônia aconteceu na última terça-feira (12), na sede do Tribunal, em Brasília (DF), que promoveu a premiação.

Amanda Françozo leva a filha em sua volta às gravações de programa sertanejo na TV Aparecida

O Arquivo A – Trabalho Infantil, com reportagem da jornalista Gabriela Leite, foi exibido no dia 13 de junho no canal católico. Equipe e direção de jornalismo festejam o reconhecimento de seu trabalho: “Para nós, enquanto equipe de jornalismo da Rede Aparecida, é um prêmio muito importante por ser o primeiro que recebemos fora do meio religioso. O prêmio recebido do TST nos enche de orgulho e nos dá a certeza de que fazemos um jornalismo comprometido com os ideais e necessidades da nossa sociedade brasileira“, diz André Costa, editor de jornalismo da Rede Aparecida.

O Prêmio do Tribunal Superior do Trabalho tem como objetivo estimular e valorizar a produção de produções jornalísticas que promovam a reflexão e a conscientização sobre o trabalho e suas relações. Nessa 1ª edição foram premiadas reportagens com o tema “Trabalho Infantil: combate e perspectivas para o seu enfrentamento”.

Na reportagem premiada do Arquivo A, exibida pela TV Aparecida, foi apresentada a triste realidade de crianças e adolescentes do Estado do Pará, que têm a infância roubada por uma rotina de trabalho e exploração. Pelas estatísticas, quase 9% das crianças e adolescentes, de 5 a 17 anos, trabalham no Pará, que tem o maior número de trabalhadores infantis da região Norte do País. O total é de quase 170 mil crianças e adolescentes que vivem a responsabilidade do trabalho.

O programa jornalístico também mostrou o trabalho incansável de pessoas que lutam para mudar essa realidade e manter viva a esperança de um futuro melhor. Entre as pessoas entrevistadas pela jornalista Gabriela Leite estão a Dra. Vanilza Malcher, Juíza do Trabalho, e a Irmã Henriqueta Cavalcante, da CNBB.

TV Aparecida supera concorrentes e atinge 4º lugar no Ibope

Equipe do Arquivo A, que participou da reportagem premiada: Gabriela Leite (repórter)/ Bruna Reis (produtora) / Robson Carvalho (cinegrafista).

O programa Arquivo A é exibido nas quintas-feiras, às 21h.

Assista ao vídeo do programa:



1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here