fbpx

“Achei importante me manifestar”, diz Anitta sobre caso de assédio envolvendo jovem de 17 anos

-

Gabriela Rodrigues
Venha fazer parte da nossa equipe de colaboradores! Saiba mais!

Comente

Veja também

BBB21: João Luiz é o novo líder da semana

Os brothers fizeram mais uma disputa e quem se deu melhor foi João, que se tornou o líder da semana.

Fabio Jr. se declara para Cleo e arranca elogio dos fãs

A dupla ganhou vários elogios em rede social

Paula Fernandes celebra aniversário do namorado, Rony Cecconello

A cantora usou as redes sociais para prestar homenagem ao namorado que completou aniversário.

Anitta / Instagram

Nesta semana, um caso de assédio repercutiu nas redes sociais. O nome da cantora Anitta também acabou entrando na roda, isso porquê o motorista acusado de assediar a garota de 17 anos disse, em entrevista, que a vítima estava usando um “short tipo Anitta”, na tentativa de justificar o ato criminoso.

O assediador deu a entender que o fato da menina estar usando uma roupa curta sinalizava que ela estava “dando mole” para ele. Ao ficar sabendo da declaração, a cantora usou o Twitter para se posicionar sobre o caso.

+Solteiro, Pedro Scooby curtirá Carnaval no camarote de Anitta no Rio de Janeiro

Anitta escreveu na rede social que não existe nenhuma justificativa para assediar uma mulher. “NADA justifica um assédio. A forma de se vestir, sentar, falar etc não significa qualquer autorização ou pedido ou convite a ser assediada e/ou invadida, abusada, estuprada etc”, escreveu ela.

+Em meio a crise no casamento, novo irmão de Anitta toma decisão

Em entrevista à revista Quem, a poderosa voltou a comentar sobre o assunto e ainda ressaltou que em época de Carnaval assédios acabam aumentando. “Eu resolvi postar e me manifestar no Twitter porque, ainda mais com o Carnaval chegando, as pessoas bebem e as mulheres gostam de se fantasiar. Isso não quer dizer que elas estão dando liberdade ou autorização para qualquer tipo de assédio. Como, por exemplo, puxada de cabelos, braços, passar a mão, isto não existe e nada justifica”, disse.

+Assediador diz que vítima de 17 anos estava usando short tipo Anitta, e cantora se revolta

“Um homem jamais pode achar que por causa de uma fantasia, ou de uma roupa, ou de um jeito de dançar, a mulher está pedido para ser assediada. Eu achei importante me manifestar no meu Twitter. Ok, a gente pode gostar de pegação, mas existem os limites, o respeito até para você flertar, paquerar. Uma coisa é paquerar com respeito, outra é assediar”, completou.

E tem muito mais para você: Baixe o app Área VIP - TV e Famosos ou siga o Área VIP no Google Notícias e receba as informações mais quentes do entretenimento com tudo o que acontece no mundo da TV e dos Famosos - Clique Aqui!

Gabriela Rodrigues
Venha fazer parte da nossa equipe de colaboradores! Saiba mais!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Últimas TV & Famosos