Victória Villarim e Eduardo Costa – Reprodução: Instagram

É, mais uma bomba no mundo sertanejo! Segundo as informações do colunista Leo Dias, as publicações do cantor Eduardo Costa sobre traição de amigo, tem fundamento e envolve a sua ex, a modelo Victória Villarim.

Para quem não se lembra, o término do casal foi bastante comentado, já que mesmo após a separação, eles continuavam a aparecer juntos. Victória por diversas vezes, aparecia na mansão do ex e até presente, após o término, ela ganhou.

Mas a boa fase entre os dois chegou ao fim e nos últimos dias, Eduardo vem chamando atenção ao fazer publicações sobre traição, e a mais recente, que ocorreu nos últimos dias, ele fala sobre amigo traíra mas não cita nomes.

Segundo Leo Dias, há cerca de dois meses, Eduardo Costa descobriu que o seu amigo e cantor, de quem foi padrinho musical, se envolveu amorosamente com a sua ex-noiva, Victória Villarim.

Além de amigo próximo de Eduardo, ele estava sempre em sua casa e chegou a ser investidor da dupla que o ‘amigo’ faz parte.

O cantor em questão é o Clayton, da dupla com Romário. E a desconfiança começou quando ele percebeu que Victória estava sempre nas festas de família de Clayton e, até onde ele tinha conhecimento, os dois não eram tão próximos assim.

Ainda, de acordo com Leo Dias, Eduardo Costa colocou um “amigo detetive” atrás do casal e confirmou que os dois estavam ficando. Na época, ele preferiu ficarquieto, para dessa forma saber quem realmente era seu amigo e contaria a ele sobre o caso do ‘amigo’.

O resultado desse rolo todo? Amizade desfeita e qualquer acordo financeiro também.

+ Eduardo Costa muda o visual e enlouquece a web: “Rejuvenesceu”

Eduardo se pronuncia

A assessoria do músico foi procurada por Leo Dias e se pronunciou sobre o assunto, confirmando o sentimento de traição do cantor com o amigo. Mas, ressaltou que não houve nenhuma traição por parte de Victória durante o relacionamento.

Por nota, Eduardo falou do assunto: “A pior traição é a de um amigo, não por todo o investimento que fiz do meu bolso, mas pelo carinho, respeito e dedicação que damos a pessoas que amamos, porque amigo é um amor que você escolhe, não faz parte de nenhum pacote. A Victoria tem todo direito de seguir a vida dela, com quem ela quiser e se sentir feliz. Mas fico pensando em quais eram as reais intenções da pessoa que eu chamei de amigo.”

+ “Traição não é um erro, é uma escolha”, dispara sertanejo Eduardo Costa



1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here