Rafa Brites / Reprodução: Instagram
Rafa Brites / Reprodução: Instagram

Neste domingo, 29, aconteceu em todo o país as votações, do segundo turno, para eleger o novo presidente do Brasil. O eleito foi Jair Messias Bolsonaro, com 55,1% dos votos válidos.

Após o horário das votações, a atriz Rafa Brites recorreu ao seu instagram para relatar um acidente que ocorreu com a sua irmã, Gabriela Brites, que foi agredida ao sair de sua zona eleitoral.

Através dos stories, a atriz mostrou sua indignação com o ocorrido. “Só para esclarecer, este print que vocês acabaram de ver aí, não foi com a prima da vizinha, chegou por Whatsapp. Não, não. Foi com a minha irmã. A minha irmã apanhou ontem, em São Paulo. E ela apanhou, porque um cara de família, né, que inclusive estava com a família, passou e falou isso: ‘Bolsonaro 17, vamos acabar com todos os veados (sic) e todos os pretos’. Foi isso que minha irmã ouviu antes de apanhar”, desabafou Rafa.

Veja o print em que a atriz comenta, em que a irmã conta da agressão:

Rafa Brites / Reprodução Instagram
Rafa Brites / Reprodução Instagram

A atriz continuou o desabafo, comentando da onda de ódio que atingiu o país. “A gente precisa colocar fim nessa onda de ódio, a gente precisa defender essas pessoas que estão sofrendo agressões, esse não é o caminho, não é assim que o Brasil vai acabar com a corrupção, com falta de escola, com falta de hospitais, cês acham?”.

“Então pra encerrar, se você fez seu voto no Bolsonaro um voto de protesto ao PT, como o meu foi, o meu voto no PT foi de protesto ao Bolsonaro, se você não concorda com nada disso, tá na hora de começar a se mexer pra defender essas pessoas que tão sofrendo muito”, finalizou a atriz.

Assista ao vídeo na íntegra:

Após o desabafo, Rafa recebeu um recado de uma de suas seguidoras e fez questão de compartilhar. O recado dizia para a atriz diminuir o “mimimi”. “Você fala que uma mulher apanhou de um homem na rua… e outra mulher responde isso…”, escreveu no print. Veja:

Rafa Brites / Reprodução: instagram stories
Rafa Brites / Reprodução: instagram stories

 

Entrevista para a Quem

Rafa conversou com o portal Quem e relatou que a irmã recebeu um tapa na cara ao tentar se defender. “O cara falou que ia acabar com os ‘veados’ (sic) e pretos. Minha irmã é gay, ele falou isso, ela se sentiu ofendida. Ao tentar se defender, dizer que ele não tinha o direito de falar isso, ele deu um tapa na cara dela”, explicou, frisando que Gabi não atacou o homem em questão.

“Nada justifica uma agressão. Nem de um lado nem de outro. Ela não foi agressiva, não tinha motivos para isso. A gente tem que aprender a aceitar a opinião do outro. Democracia e respeito. Aceitar a opinião e a existência do outro, o mais importante”, completou Rafa.

A atriz também comentou sobre o cenário do país, pedindo união as pessoas. “O que eu acredito é que a maioria das pessoas no Brasil quer a paz, a igualdade, o fim da corrupção. É o que eu quero para todo mundo. As pessoas agora estão juntas, continuamos governados por uma pessoa. Precisamos nos unir e defender a democracia, acabar com a corrupção e tudo isso”, finalizou.

Confira também:

Pabllo Vittar protesta contra vitória de Bolsonaro e recebe críticas



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here