Cantor Belo – Reprodução/Globo

Após ter, literalmente, quebrado a web com o lançamento da biografia não autorizada de Anitta, o jornalista Leo Dias não vai parar por aí! Isso porquê, ele, nunca longe dos holofotes, desta vez promete causar alvoroço entre os internautas com a chegada de um novo projeto a ser lançado em breve.

+ Após polêmica, Whindersson Nunes faz declaração emocionante sobre suas origens e dispara: “Nasceria de novo”

+ Em foto antiga postada por ator, Viviane e Belo aparecem juntos

+ Será? Belo não descarta conversa com Viviane Araújo para esclarecer desentendimentos

De acordo com informações do jornal Folha de São Paulo, o comandante do ‘Fofocalizando’, do SBT, está a escrever uma biografia de ninguém mais, ninguém menos que o cantor Belo. Isso mesmo! Em participação durante o ‘De A a Zuca’, de Celso Zucateli, nesta sexta-feira (5), na TV Gazeta, Leo Dias entrou em detalhes sobre o que está a vim por aí na obra.

Segundo ele, o novo livro irá abordar justamente o período no qual o cantor havia sido preso por tráfico de drogas. Escrevendo o livro com o repórter policial Leslie Leitão, o jornalista foi seguro ao afirmar que Belo possuía um quarto na prisão reservado para visitas íntimas, e que nesse quarto possuía luxos, como até mesmo espelho no teto.

Além disso, a ex-mulher do músico, Viviane Araújo, o visitou em todas as vezes possíveis, até a descoberta da traição com uma mulher chamada Leia, que foi o estopim para o fim do relacionamento entre os dois. E então, após isso, foi aí que ele começou a se envolver com Gracyanne Barbosa, com quem está até os dias de hoje.

Além disso, Leo Dias enfatiza o fato do cantor ter saído da cadeia mais famoso do que quando havia sido preso. “O cara entra num tamanho e sai muito mais famoso, com 3 músicas entre as 10 mais tocadas, o que a cadeia acabaria com a carreira de qualquer pessoa, com ele foi o oposto, só no Brasil mesmo”, observou.

A prisão

Para quem não sabe, em meados de 2003, Belo foi condenado a seis anos de prisão por tráfico e associação. Dos seis, cumpriu quatro deles, e teve a pena extinta pela Justiça em meados de 2010. Não longe disso, no ano seguinte, ele foi acusado de fazer parte de uma máfia de contrabando, onde comprava carros de luxo para realizar lavagem de dinheiro.

Veja também:

Viviane Araújo fala sobre convite de Belo para conversar



7 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here