fbpx
domingo, 16 de maio de 2021

Últimas

Filha de Belo se explica e diz que entrou em quadrilha porque precisava de dinheiro

-

Lívia Cout
Venha fazer parte da nossa equipe de colaboradores! Saiba mais!

Comente

Veja também

- Continua após o Banner -

Filha de Belo se explica e diz que entrou em quadrilha porque precisava de dinheiro - Foto: Reprodução/Instagram
Filha de Belo se explica e diz que entrou em quadrilha porque precisava de dinheiro – Foto: Reprodução/Instagram

- Continua após o anúncio -

Como já noticiamos anteriormente aqui em seu Área VIP, o pagodeiro Belo está envolvido em uma verdadeira polêmica por conta de sua filha. É que a herdeira do famoso, Isadora Alkimin, de 21 anos, foi presa em flagrante acusada de chefiar uma quadrilha que aplicava crimes eletrônicos. Recentemente a jovem resolveu se explicar.

Isadora Alkimin, filha de Belo, se explica para a polícia

Sendo assim, de acordo com as informações do portal Metrópoles, a jovem se explicou recentemente para polícia. Segundo a filha do pagodeiro, ela aceitou trabalhar no esquema porque estava precisando de dinheiro. No entanto, ela diz que não sabia o que o grupo criminoso fazia com as vítimas.

Vale lembrar ela foi presa em flagrante juntamente com outras 11 mulheres no dia 11 de novembro. Além disso, a quadrilha era ligada ao tráfico de drogas do Complexo da Maré, no Rio de Janeiro, e aplicava o ”golpe do motoboy”.

Saiba o que é o ”golpe do motoboy”

- Continua após o anúncio -

Em suma, as mulheres passavam-se por atendentes de banco e incentivavam as vítimas a compartilharem os dados bancários por telefone. Posteriormente, um outro integrante do grupo passava-se por motoboy do banco e ia até a casa da vítima coletar o cartão e aplicar por fim o golpe.

Aliás, a função da filha de Belo era coletar dados e fazer anotações sobre pessoas. No entanto, a jovem afirma que não chegou a conversar com nenhuma vítima. Segundo ela, apenas anotava nomes que estavam catalogadas em um computador do grupo criminoso.

Inocente?

- Continua após o anúncio -

Por fim, Isadora se declara inocente. Pois, afirma que não sabia o que seria feito com os dados coletados, ”mas achava que era uma coisa ilegal” e que ”as pessoas seriam ressarcidas por alguma instituição financeira.”. Enfim, ela estava na quadrilha há cerca de um mês e recebeu R$ 600 como ajuda de custo para integrar-se ao grupo. Atualmente ela está presa no Rio de Janeiro. O bando foi autuado por organização criminosa.

- Continua após o anúncio -

+ Novidade: Área VIP no Telegram – Clique Aqui e fique por dentro!

E tem muito mais para você: Baixe o app Área VIP – TV e Famosos ou siga o Área VIP no Google Notícias e receba as informações mais quentes do entretenimento com tudo o que acontece no mundo da TV e dos FamososClique Aqui!

Lívia Cout
Venha fazer parte da nossa equipe de colaboradores! Saiba mais!

48 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Últimas TV & Famosos