Portal MSN

Grave problema de saúde é o motivo pelo qual Jair Bolsonaro se isolou, diz colunista

Jair Bolsonaro fez apenas duas aparições desde o resultado das Eleições Presidenciais de 2022 nas quais foi derrotado por Lula, do PT.

-

-

Colaboradores
Colaboradores
Venha fazer parte da nossa equipe de colaboradores! Saiba mais!
Jair Bolsonaro/Instagram
Jair Bolsonaro/Instagram

Jair Bolsonaro pouco falou desde a derrota nas Eleições Presidenciais. O político demorou horas antes de se manifestar pela primeira vez após o resultado nas urnas e, desde então, não voltou a falar abertamente com a imprensa. Em meio a diversos rumores, informações publicadas pelo jornalista Igor Gadelha, do portal Metrópoles, indicam que o isolamento tenha relação com um problema de saúde.

- Continua após o anúncio -

O presidente da República permanece isolado no Palácio da Alvorada em razão de uma infecção. O político teria sofrido um ferimento na perna durante a campanha presidencial e, por conta da rotina agitada, não tratou da maneira adequada. Por esse motivo, o problema acabou se agravando, resultando em uma grave infecção.

Jair Bolsonaro planeja ser o prefeito de São Paulo: “parem de fantasiar”

A situação de Jair Bolsonaro seria tão delicada que o político sequer conseguiria vestir as suas calças. Por conta disso, o presidente da República iniciou um tratamento e, no período, continua recluso na residência oficial.

- Continua após o anúncio -

A última manifestação pública de Jair Bolsonaro aconteceu no dia 1º de novembro. Na oportunidade, fez um rápido pronunciamento de aproximadamente cinco minutos no qual deixou de abordar questões como a transição para o novo governo e o reconhecimento da derrota.

Depois, Jair Bolsonaro publicou um curto vídeo em seus perfis nas redes sociais no qual pediu aos manifestantes que desobstruíssem as vias públicas do Brasil. Em todo o país, protestos contra o resultado das Eleições culminaram em rodovias interditadas e paralisações de setores produtivos, a exemplo de uma parcela da classe dos caminhoneiros.

- Continua após o anúncio -

Primeira-dama faz esclarecimento após suposta crise com Jair Bolsonaro

Nas urnas, Jair Bolsonaro obteve cerca de 58,2 milhões de votos, o que representa 49,10% dos votos válidos. Luiz Inácio Lula da Silva (PT), a seu turno, angariou cerca de 60,3 milhões de votos, sendo eleito para o cargo de presidente da República pela terceira vez, com 50,90% dos votos válidos apurados.

Colaborou: Henrique Furtado

- Continua após o anúncio -

Continue por dentro com a gente: Google Notícias , Telegram , Whatsapp

Colaboradores
Colaboradores
Venha fazer parte da nossa equipe de colaboradores! Saiba mais!