Anitta – Reprodução: Instagram

A cantora Anitta abriu o coração para falar sobre a sua vida pessoal em conversa com a Revista Veja!. Por lá, a ‘poderosa’, vencedora do Prêmio Área VIP – Melhores da Mídia de 2019 em duas categorias, comentou sobre drogas, bissexualidade e mais.

+ Anitta revela desejo de pausa na carreira: “Estou cansada”

Ela conta que não julga quem usa, pois Anitta já experimentou. Se ela gostou, nem um pouco. “Já experimentei muita coisa. Não gosto de julgar as pessoas, mas não achei legal, não. Até beber mesmo, eu só bebo quando estou numa festa. Se eu for num jantar, eu não vou pedir um vinho, uma cerveja. Vou pedir um suco. Agora, se for uma festa, ok, vou beber”.

Anitta toma decisão contra Gabigol após insistência do jogador

Sobre sua bissexualidade, ela quis mostrar que é algo normal: “Quis falar sobre isso no meu documentário porque eu escolhia o tom de leveza e normalidade que eu sempre tive na minha vida, com minha mãe e a minha família. “Era uma coisa tão normal, tão normal que nunca teve esse momento”, contou ela, que está solteira: “Estou solteira. Pra casar, quem que testar, né? Vamos testando. É difícil as pessoas terem coragem de tomarem iniciativa. Às vezes, os que mais tomam iniciativa são os gringos, alguém lá de fora que não saiba quem eu sou. Se for alguém que saiba quem sou eu, aí eu que tenho que tomar a iniciativa. Por medo e preconceito”.

+Gabigol desmente jornalista em meio a grande polêmica com Anitta e realiza acusação

Também por lá, Anitta abriu o jogo sobre as plásticas que realizou: “Já fiz rosto, corpo, já reduzi seios. As pessoas acham que eu fiz plásticas porque me incomoda. Nada me incomoda. Meu nariz me incomodava. O meu peito me incomodava. O resto, eu porque era muito grande. O resto eu fiz porque deu na telha mesmo”.



4 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here