MSN

sexta-feira, 14 de junho de 2024

Leo Picon se posiciona contra influenciadores que indicam jogos de azar aos seguidores

Léo Picon alerta influenciadores sobre estar enganando seus seguidores

-

-

Colaboradores
Colaboradores
Venha fazer parte da nossa equipe de colaboradores! Saiba mais!
Leo Picon (Foto: Reprodução Instagram)
Leo Picon (Foto: Reprodução Instagram)

Na noite desta segunda-feira (11), o influenciador e empresário Leo Picon, usou seus stories para falar com seus seguidores e amigos que são influenciadores sobre a prática de indicar jogos de azar para seus seguidores e querer ficar rico a troco dos outros.

- Continua após o anúncio -

As redes sociais se tornaram uma ferramenta poderosa para influenciadores compartilharem suas vidas e opiniões. Leo Picon, empresário e influenciador, se posicionou de forma firme contra uma tendência que tem causado preocupação: a promoção de jogos de azar por parte de outros influenciadores.

A irresponsabilidade na promoção de jogos de azar

Antes de mais nada, Picon expressou sua preocupação com a crescente promoção de jogos de azar por influenciadores, argumentando que essa prática é irresponsável e pode prejudicar seriamente os seguidores, especialmente os mais jovens.

Isso significa que jovens podem ser expostos a práticas de jogo sem supervisão adequada, o que pode levar a problemas sérios, como o vício em jogos de azar e perda financeira.

- Continua após o anúncio -

Leo Picon revela que era ‘comparado’ a Justin Bieber: “eu ficava put* da vida”

Romantização do jogo e os perigos envolvidos

Por outro lado, muitos influenciadores estão promovendo cassinos online, sites de apostas esportivas e outros tipos de jogos de azar. Eles frequentemente acompanham essas promoções com mensagens que romantizam o jogo. Logo assim, sugerindo que é uma maneira rápida e fácil de ganhar dinheiro. Picon destacou que essa narrativa é enganosa e perigosa.

- Continua após o anúncio -

Em seus stories Léo disse: “Cassino não é renda extra […] você está usando do seu poder para enganar as pessoas […]”, continuou o irmão da Jade Picon.

Porém Picon não deixou de abordar questões éticas em relação à promoção de jogos de azar por influenciadores. Ele argumentou que, embora possam ser pagos generosamente por essas parcerias, os influenciadores têm uma responsabilidade moral para com seus seguidores, e devem considerar os impactos negativos que sua promoção de jogos de azar pode ter sobre eles.

Leo Picon recebe ameaças e expõe situação: “tomar no c*”

Por fim a discussão sobre a responsabilidade dos influenciadores e a necessidade de regulamentação mais rigorosa na publicidade de jogos de azar na internet precisa continuar. A questão permanece como um tópico de debate nas redes sociais e na sociedade em geral.

Colaborou: Aline Sá

- Continua após o anúncio -

Continue por dentro com a gente: Google Notícias , Telegram , Whatsapp

Colaboradores
Colaboradores
Venha fazer parte da nossa equipe de colaboradores! Saiba mais!