Luana Piovani
Luana Piovani / Instagram

Luana Piovani surpreendeu os seguidores nesta quarta-feira (16) ao revelar em seu canal do Youtube que sofreu assédios durante sua carreira, um, inclusive, de um diretor da Globo.

O primeiro caso, ocorreu quando Luana Piovani ainda tinha 18 anos. Ela estava voltando para casa de carona com um produtor de teatro, quando ele tentou beija-lá. A segunda foi quando a atriz já estava na emissora carioca.

Ela não revelou o nome do diretor, mas deu detalhes do ocorrido. “A segunda vez foi na Globo, estava na sala de um diretor, tinham outras atrizes comigo e ele falou assim ‘Luana’, e bateu na perna [Luana gesticula como se estivesse chamando para sentar no colo]. Levei na brincadeira, porque também fiz uma brincadeira com ele, pra ele se colocar mais no lugar dele. Mas não me senti mal, não me senti desrespeitada. Pensei ‘ah, meu Deus, será que pode acontecer alguma coisa comigo?’.”

Luana, no entanto, finaliza em tom de deboche: “Fod*sse!. A novela foi um fracasso. O cara já morreu e eu tô aqui“.

Veja o vídeo:

Luana Piovani causou polêmica ao comentar como os casos são tratados hoje em dia

Apesar de ter sofrido com o assédio, a atriz afirma que não se incomoda muito com ele e vê um certo “exagero” em relação a ele.

Acho que tem mil tipos de assédio. Mas eu confesso que não sou alguém que me incomodo muito com assédio. Desde que não me toque, só não pode me pegar. Inclusive, se a pessoa demorasse muito pra entender, eu ia mesmo, eu assediava. Então, nunca vi isso como um problema. Claro que com as informações que temos hoje, deu voz a muita gente que era assediada de maneira terrível e cruel, e não tinha ou não sabia como se defender. Mas acho um exagero o que tá rolando em relação a assédio. Eu, se fosse homem, ia ter medo de conversar com mulher“, afirma Luana Piovani.

Veja também:

Luana Piovani mostra flexibilidade durante aula de ioga



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here