Marcelo Adnet (Globo/João Miguel Júnior)
Marcelo Adnet (Globo/João Miguel Júnior)

Durante as eleições grande parte da classe artística ficou a favor do candidato Fernando Haddad, o humorista Marcelo Adnet foi um dos nomes que apoiava o petista e chegou a usar as redes sociais para compartilhar seu ponto de vista, porém nesta sexta-feira (02/11) o ator acabou sendo ofendido durante a saída de um supermercado por ser a favor de  Haddad.

Parei em um mercadinho na Barra pra fazer umas compras. Quando estava carregando o carro com sacolas vejo um senhor fazer gesto de armas com as mãos e gritar “vaza”, “vai embora”, “tá olhando o quê?”. Até eu entrar no carro alguém se juntou gritando “vaza vagabundo, vagabundo!”, relatou o humorista em seu twitter.

Veja:

Eduardo Costa fala sobre Bolsonaro e afirma: ‘Homem de verdade tem lado’

Ameaça

Há algumas semanas, durante o ‘Conversa Com Bial’, o ator já havia revelado ter sofrido ameaças porque gravou uma série de vídeos imitando os candidatos à presidência do Brasil no primeiro turno: “Tive retorno de todo tipo: tem gente que adorou, odiou, me ameaça de morte, de beijo… Disseram que o ‘Adnet bandido da Globolixo fez um áudio para incriminar o candidato Jair [Bolsonaro]’, e não era eu”.

Ouvi o áudio e falei ‘não compartilhem, que isso é falso’. A notícia correu, alguém fez um meme, botou minha cara, aí os comentários dessas postagens eram: ‘vou te dar um tiro de 12 na cara’, ‘quando você vier na minha cidade vou te jogar merda’, ‘vou te bater, te pegar’. A gente sabe que a maioria são palavras ao vento, mas aquele 1% vagabundo dá medo”, desabafou…Confira!

Veja também:

Marcelo Adnet ganha homenagem do pai na TV

Colaborou: Felipe Henrique



1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here