Nadja Haddad (Andrea Dallevo/ RedeTV!)
Nadja Haddad (Andrea Dallevo/ RedeTV!)

Na última quinta-feira (25) a apresentadora Daniela Albuquerque recebeu Nadja Haddad, do ‘Bake Off Brasil’, SBT, no palco do ‘Sensacional’, na RedeTV!.

Além de relembrar a infância e a escolha de se tornar jornalista, Nadja revive o episódio em que foi baleada durante a cobertura de uma operação policial no Rio de Janeiro, em 2005, e os aprendizados que o momento lhe trouxe.

Eu sempre falo que não foi um tiro para a minha morte, foi um tiro para a minha vida, porque se a vida de vez em quando não dá um sacode na gente, a gente não acorda, não enxerga como deveria, a gente não entende um chamado”, diz.

Sobre os pais

No instante em que percebeu que havia sido atingida e na chegada ao hospital, a maior preocupação da jornalista era com os pais. “Na hora eu só falei para o cinegrafista: aperta minha mão, não me deixa morrer porque eu não tenho com quem deixar meu pai e minha mãe. Eu só pensava nos me pais”, desabafa, revelando o choque sofrido pela mãe, portadora da rara síndrome de Guillain-Barré – distúrbio neurológico em que o sistema imunológico ataca o sistema nervoso. “Quando minha mãe me viu naquela condição, aí ela parou de andar de vez. (…) Ela não conseguiu chegar perto de mim, porque eu lembro que estava na UTI, eu deitada, ela me olhou, sentou, e dali não saiu mais”.

Na conversa emocionante, a apresentadora do SBT vai às lágrimas ao falar sobre a perda do pai, que faleceu na véspera de seu casamento. Ele já estava debilitado após ter vencido um câncer. “Eu via meu pai definhando e triste, sem força, aquilo me acabava. Eu sabia que quando meu pai me visse com alguém que deixasse ele tranquilo ele ia embora para descansar, e falar ‘agora minha filha vai ser bem cuidada‘” , explica. “Dito e feito. (…) Eu estava indo buscar o meu vestido, que era em outro estado, e minha irmã me ligou e falou: ‘olha, o papai se sentiu mal, uma dor na coluna, e vai precisar operar porque é diverticulite’. Naquela hora eu me desesperei, larguei o carro no aeroporto, peguei o avião e fui. A cirurgia foi ótima, deu tudo certo, consegui ver meu pai, falei com ele e acabou o horário de visitas porque era UTI. Quando cheguei em casa eu dormi, e quando acordei já foi com a notícia do papai”, narra.

Nadja também revela que no dia do velório do pai se comprometeu a dar continuidade aos seus trabalhos sociais e relembra o convite para atuar na ONG ‘Mamas do Amor’, que auxilia mulheres mastectomizadas. “Eu peço sempre: ‘Deus, me usa’. Eu acho que comunicação não é só o jornalismo, entreter e informar, comunicação é missão. Sejamos luz na vida dos outros por pior que sejam os nossos problemas”, disse ela, que recebeu os aplausos da plateia.

Ator de Segundo Sol chora ao falar da morte precoce da mãe

Sonia Abrão abre o jogo e fala sobre câncer

Sonia Abrão - Reprodução/Rede TV
Sonia Abrão – Reprodução/Rede TV

Ainda durante o programa ‘Sensacional’, Sonia Abrão, que era uma das convidadas, abriu o coração e falou sobre a sua luta contra o câncer de mama. A apresentadora relembrou durante conversa com Daniela Albuquerque de quando descobriu a doença e as cirurgias que precisou se submeter para conseguir se curar….Saiba mais!

Confira também:

Sonia Abrão detona esposa de Faustão, Luciana Cardoso



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here