Patrícia Poeta – Reprodução: Instagram

Vamos combinar, não é mesmo, um talento desses não pode ser desperdiçado assim! A apresentadora do ‘É de Casa’, da TV Globo, Patrícia Poeta, está em uma das melhores fases de sua carreira. Para melhorar, somente se ela ganhasse um programa só para ela na maior emissora do país.

E foi sobre isso que a apresentadora conversou com o jornal EXTRA. Patrícia Poeta revelou o desejo de ter um programa só para ela, no entanto não queria largar de mão a revista eletrônica que apresenta aos sábados de manhã:

“Tenho vontade de ter um programa meu, seria hipocrisia dizer que o contrário. Mas não penso muito no que que não tenho, me apego as oportunidades que me dão hoje. Estou muito feliz no “É de casa”, um programa que me recebeu de portas abertas e eu que ajudei a criar. Quando entrei no entretenimento, o que queria era me envolver com projetos novos. É isso que estou fazendo e cada vez sentindo mais prazer no que eu faço”, revelou ao jornal carioca.

Choque com morte

O programa ‘Encontro‘, na TV Globo, apresentado por Patrícia Poeta, na último dia 29, contou com toques de emoção. A jornalista, que substituiu Fátima Bernardes durante suas férias, foi às lágrimas ao falar de um caso que chocou o Rio de Janeiro no último dia 28.

Um engenheiro de 39 anos, João Napoli foi esfaqueado por um, aparentemente, morador de rua. Um homem que tentou o ajudar também acabou morrendo. Patrícia Poeta era conhecida da primeira vítima.

Com voz trêmula e muito emocionada, a jornalista lamentou a morete: “Foi em um lugar lindo no Rio de Janeiro. Acho que traz uma sensação de insegurança mais do que nunca a todos nós… Veja na íntegra!

Veja também:



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here