MSN

terça-feira, 16 de julho de 2024

Taís Araújo parabeniza Gaby Amarantos por prêmio no Grammy Latino

“Como não se emocionar com esse discurso carregado de significados”

-

-

Núcia Ferreira
Núcia Ferreira
Jornalista carioca com passagens pelas revistas Conta Mais, TV Brasil e TV Novelas. No site Área VIP, além de redatora, é repórter especialista em Celebridades, TV e Novelas.
Taís Araújo
Taís Araújo/Instagram

Nesta quinta-feira (17), Gaby Amarantos venceu o ‘Grammy Latino 2023‘ na categoria ‘Melhor Álbum de Música de Raízes em Língua Portuguesa’ com ‘Technoshow’,  que retrata o tecnomelody, ritmo original e criado em Belém, capital do Pará, marcado por acelerar o brega tradicional e adicionar batidas eletrônicas.

- Continua após o anúncio -

A cantora recebeu a homenagem de Taís Araújo que comemorou o prêmio em seu perfil oficial no Instagram. “Como não se emocionar com esse discurso carregado de significados?? ❤”, escreveu a atriz na legenda do post.

Taís Araujo vai às lágrimas com homenagem de Lázaro Ramos no ‘Pipoca da Ivete’

A atriz seguiu parabenizando a cantora. “Gaby, parabéns demais pelo Grammy! Parabéns sobretudo pela sua trajetória, pelo seu compromisso em representar mulheres negras, representar seu território e sua cultura com talento, brilho e a responsabilidade de preservar as suas origens! É do Brasil, é da AMAZÔNIA!!! Viva @gabyamarantos!”, finalizou.

- Continua após o anúncio -

Famosos e fãs também celebraram. “Demais!!!! Me emocionei! ❤”, confessou Fernanda de Freitas. “Maravilhosa!!! Viva @gabyamarantos !!!!”, elogiou Malu Galli. “Foi lindo, chorei quando vi”, declarou um internauta.

Confira o post:

- Continua após o anúncio -

A premiação aconteceu na tarde desta quinta-feira (16), em Sevilha, na Espanha. Gaby Amarantos subiu ao palco muito emocionada. Nos agradecimentos, ela descreveu a importância da valorização da cultura amazônica, periférica e principalmente de artistas independentes.

Rainha! Marília Mendonça ganha Grammy Latino 2023 com álbum póstumo

“Sou uma artista da Amazônia, faço música da periferia negra de Belém do Pará e estou há 20 anos trabalhando com esse estilo. Recebo com muita alegria e honra esse prêmio, quero dedicar a todas as mulheres negras do Brasil. Agradeço a todo o povo de Belém do Pará que recebe e reconhece como música de raízes brasileira. Viva o tecnobrega!”, declarou Gaby.

A artista destacou que o vestido que escolheu para participar do evento representava uma grande árvore de samaúma, levantando a necessidade da preservação da Amazônia e o consumo do público de artistas que vem dessa região.

- Continua após o anúncio -

Continue por dentro com a gente: Google Notícias , Telegram , Whatsapp

Núcia Ferreira
Núcia Ferreira
Jornalista carioca com passagens pelas revistas Conta Mais, TV Brasil e TV Novelas. No site Área VIP, além de redatora, é repórter especialista em Celebridades, TV e Novelas.