Taylor Swift/Instagram
Taylor Swift/Instagram

Depois de dois anos Taylor Swift finalmente conseguiu uma ordem de restrição contra Eric Swarbrick, de acordo com o site TMZ. O homem começou a entrar em contato com a cantora em 2016 e falou abertamente sem temor algum sobre matar e estuprar a cantora em diversas ocasiões.

Eric Swarbrick, 26 anos, morador do estado de Tennessee, começou a enviar cartas violentas e perturbadoras para a cantora. Nesta semana, Taylor conseguiu uma medida protetiva que impede Eric de chegar perto dela, de sua residência e equipe.

A medida parece que não o intimidou nem um pouco, que segue afirmando destemido em suas cartas que ninguém pode impedi-lo de concluir seu objetivo.

O site TMZ divulgou esses trechos da perturbadora carta de Eric Swarbrick: “Eu quero estuprar Taylor Swift. É por isso que eu a odeio… É assim que eu sei que eu sou a alma-gêmea dela” e “Eu não vou hesitar em matá-la… e não tem nada que você, seus advogados ou a lei possam fazer sobre isso. Lembre-se de quem eu sou“.

Segundo documentos registrados pelo advogados da cantora, as cartas começaram a chegar com maior frequência nos últimos meses e existe a preocupação de que o homem poderia realmente agir contra Swift e isso vêm causando ansiedade e medo em Taylor e sua equipe.

‘Fã’ é morto após ameaçar Ana Hickmann em hotel

Ana Hickmann (Reprodução/Instagram)
Ana Hickmann (Reprodução/Instagram)

Em 2016, vale lembrar o que aconteceu com Ana Hickmann, quando um fã invadiu o quarto onde ela estava hospedada em Belo Horizonte e após ameaçar a loira, foi morto pelo cunhado da apresentadora, Gustavo Correa, irmão de seu marido…Saiba mais!

Veja também:

Travestis ameaçam ator Douglas Sampaio

Colaborou: Yago Tadeu



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here