Uma testemunha inesperada adentra o tribunal e deixa a todos boquiabertos. É Lara, que pede desculpas pelo atraso e, emocionada, senta-se em frente o juiz para defender Donatela.

Irene e Gonçalo se espantam. Donatela se emociona. Com lágrimas nos olhos, Lara elogia a mãe de criação e diz que graças a ela se tornou a pessoa ética e corajosa que é.

“Nem em sonho eu poderia contar com uma mãe mais amorosa. (…) Não consigo acreditar na culpa dessa mulher que sempre dedicou a mim o amor maior de que um coração humano é capaz”, diz a jovem.

Ao final do depoimento, Donatela pede permissão para abraçar a filha, que, obviamente, é negada.

Mas, mesmo assim, ela se desvencilha dos guardas e corre para Lara. As duas choram abraçadas, mas logo são separadas, sob os ruídos implacáveis do martelo do juiz.

A cena deve ser exibida na próxima quinta-feira, 21/08.






DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here