Ao saber que tinha sido chamada por Susana Vieira “de pior que a Flora (Patrícia Pillar), de ‘A Favorita’”, a estudante de nutrição Fernanda Cunha se segurou para não responder à atriz, informa o jornal O Dia. A comparação foi feita na entrevista à ‘Veja’, em que a atriz mostra não ter perdoado a amante de seu ex-marido, Marcelo Silva, que revelou a traição por telefone.

“Ser comparada com a Flora incomoda, mas deixa ela (Susana) falar, que deve estar precisando. Marcelo já morreu, 2009 é um outro ano”, disse por telefone a jovem, que ainda segundo seu advogado Luiz Medeiros, não vai interpelar a atriz na Justiça, e sim, “ficará respeitosamente calada”.

Segundo Renê Rocha, advogado da família de Marcelo Silva, a atriz terá três meses para comprovar as declarações que fez na revista contra o ex-PM. “Não queremos uma retratação pública, ou que amanhã ela diga que o Marcelo era bonzinho, e sim, que ela prove que ele levou jóias, que arrombou o cofre dela e que a Dona Regina (mãe de Marcelo) ficou com uma conta bancária gorda. Pela Justiça, ela tem três meses desde a data da publicação da entrevista para provar tudo o que disse”, contou Renê.

Na segunda-feira (12), Susana parecia alheia à polêmica. Passeando pelo Shopping da Gávea, esbanjou simpatia e encontrou o ator Murilo Benício, a quem pediu ajuda na escolha de uma nova bolsa.



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here