Começa o julgamento de Vera, que está aflita por conta da ausência de Rodrigo. Verônica se diverte no julgamento. Vera conta toda sua história. Rodrigo e Bela continuam procurando Euzébio e decidem ir até a fazenda. Adriano pressiona Bárbara para voltar com Harry e acabar com Clemente. Ela se irrita e defende seu amor. Bárbara avisa Adriano que Harry tem um grande investimento para ele. Ataulfo e Dinho conversam sobre Dinorá e Mariana. As duas também fofocam sobre o encontro na noite anterior. Sheyla as interrompe e conta que está namorando um verdadeiro artista, uma espécie de Picasso, mas que suas obras estão na cabeça das mulheres já que ele é um cabeleireiro. Dinorá e Mariana acham graça. Elvira conta para Magdalena, Haroldo e Ícaro que Vera está sendo julgada. Haroldo diz acreditar em Vera. Magdalena, triste, não revela que descobriu a verdade sobre Ariosto. Guto faz perguntas sobre o julgamento para Adriano, que afirma que Ricardo é o culpado. Ele afirma ainda que o tio forjou todas as provas para incriminar Vera. Adriano age tão friamente que deixa o irmão chocado. Vera conta que sofreu muitas humilhações e que Ricardo a mantinha em cárcere privado e ameaçava mandá-la para fora do Brasil. Cínita, nervosa, procura por Rodrigo. Verônica não perde a chance de provocá-la e diz que Rodrigo deve estar com Bela. Cíntia fala que ela não deve se meter. Luzia e Hortência também estão apreensivas por Bela e Rodrigo não estarem ali acompanhando o julgamento. Dr. Rubens, advogado de Vera, consola a cliente que está abatida. Uma senhora reconhece Euzébio, para alívio de Bela e Rodrigo. Ela informa em qual fazenda Euzébio se encontra. Adriano se diverte com o diário de Bela. Ele não entende como o primo pode se relacionar com um "tribufu". Úrsula vai até a casa de Samantha e compra vários de seus produtos. Ao se despedir, ela diz que Gastão mandou um beijo para Samantha, que fica confusa. Nelson e Armando combinam de se encontrar para colocar em prática o plano contra Gastão. Dinho se finge de romântico e convida Mariana para jantar. Dinorá alerta Mariana mais uma vez sobre Verônica. A amiga acredita que Dinorá esteja com inveja. Samantha vai até a casa de Bárbara renovar o estoque, mas ela diz que não tem nenhuma mercadoria no momento. Bárbara conta que está apaixonada e namorando Clemente. Samantha fica surpresa. Começa uma confusão no tribunal já que Dr. Rubens não gosta do tom que o promotor está conduzindo o julgamento. Ricardo começa seu depoimento. Ele finge o tempo todo e Vera não consegue se controlar. Hortência e Luzia ficam nervosas ao ouvir tanta mentira. Ricardo afirma que nunca teve uma arma. Dr. Rubens pergunta sobre os funcionários. Ricardo fica nervoso e diz não poder responder por eles. Ariosto faz seu depoimento e defende o amigo. Bela e Rodrigo chegam à fazenda. Um senhor conta que Euzébio não trabalha lá há muito tempo e diz que está trabalhando em uma empresa de cervejas. Bela e Rodrigo seguem em direção ao novo destino. Cíntia conta para Diogo que a situação no julgamento está complicada e que tudo indica que Vera será condenada. Diogo muda de assunto e conta que Verônica sabotou sua peça que iria concorrer ao festival de Cannes. Luddy e Juliana veem Matheus e Camila em uma sorveteria. Luddy tira várias fotos, sem que eles percebam. Ela revela que as fotos serão usadas para que Max veja que Matheus traiu a amiga. Camila e Matheus se beijam para a alegria de Luddy e Juliana, que acredita que conseguirá reconquistar Max. Vanda depõe a favor de Vera. Diego também depõe e diz que não viu nenhuma arma com Ricardo, mas que ele poderia ter escondido no casaco. Diego conta que depois que ouviu o tiro e entrou na casa, Vera estava segurando a arma. O juiz finaliza o primeiro dia de julgamento de Vera, que fica angustiada já que seu advogado revela que as chances de ser solta são bem pequenas.



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here