Depois de descobrir que foi Verônica quem planejou seu assassinato, e não Alcino, Gustavo vai à delegacia e pede para retirar a queixa contra o amigo. Em seguida, ele vai até o apartamento de Mari para conversar com Alcino.

“Eu te peço desculpa, Alcino. Por todo o mal que eu te fiz passar. Mas eu fiquei cego. Cego de ódio com aquela brincadeira estúpida que você armou pra mim. (…)E quando a Verônica chegou com aquelas provas falsas contra você… Eu queria me sentir vingado, entende? E eu me senti vingado, mas em momento nenhum isso me trouxe paz. Porque eu tava botando você, o meu melhor amigo, na cadeia.”, explica Gustavo, emocionado.

Alcino fica tocado com as palavras do amigo, mas percebe que Gustavo ainda não o perdoou totalmente. “Você não quis me eliminar, mas, de certa forma, a brincadeira que você inventou matou um pouco de mim, sim. E isso eu ainda não consegui perdoar, Alcino. E nem sei se vou conseguir…”

Os dois apertam as mãos, selando a paz, e Gustavo avisa que eles precisam fazer Verônica pagar por todos os seus crimes.

As cenas devem ser exibidas nesta terça, dia 2.



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here