foto: Divulgação
Fernando Collor de Mello foi o entrevistado desta terça-feira do quadro “Vai Encarar”, do SuperPop. A atração rendeu ótimos índices de audiência ao programa, tendo ficado em terceiro lugar, com picos de 7,0 pontos e média de 5,0.

Collor foi sabatinado por Luciana Gimenez e pelo jornalista Augusto Xavier. Além da mulher Rosane, a amiga do casal, Bety Zafir estiveram na platéia. Entre outras declarações, o ex-presidente disse ter pensado em se matar depois do impeachment. “Pensei em dar cabo da própria vida. O sofrimento era grande, devido as acusações e às mentiras que sofri, Só não o fiz devido a força que recebi da Rosane (mulher dele) e de um político que havia me dado alguns conselhos”, disse ele, acrescentando ter sido julgado e absolvido de todas as acusações que lhe fizeram. Questionado sobre o confisco do dinheiro do povo brasileiro, através do Plano Collor, o ex-presidente disse que hoje não faria isso, mas que na ocasião era imprescindível para o país. Mas admitiu que, ao assumir a presidência da república com apenas 40 anos, estava tomado por um deslumbramento. “Me senti um super-homem. Me faltou humildade e experiência”, disse ele.



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here