Pela primeira vez em sua vida, Ferraço demonstra um sentimento forte e verdadeiro por alguém. A transformação do empresário frio e calculista num pai desesperado acontece depois que Renato se afoga no lago.

Por trás de todo o drama está, obviamente, Sílvia. Ela dá um jeito de passear de barco com Renato, e o estimula a pular n’água para aprender a nadar. A tática é jogar uma flor para o menino trazer de volta. Na primeira tentativa, Sílvia joga pertinho. Com alguma dificuldade, Renato consegue vencer o desafio.

Mas, na segunda vez, Sílvia lança a flor um bocado longe. O menino tenta alcançá-la, mas não consegue. A morena de franja finge que tenta salvá-lo, mas perde os dois remos, “acidentalmente”. A situação de Renato é crítica e ele começa a se afogar.

A sorte é que Ferraço ouve os gritos do filho e corre para o lago. Ao ver a criança se afogando, mergulha. Depois de algum tempo desaparecido no fundo d’água, o empresário sobe à tona, com Renato nos braços. Desacordado, o menino é levado para a beira. Ferraço tenta reanimá-lo com massagem e respiração boca a boca, mas nada acontece.

Sílvia vibra de alegria por dentro. João Batista e os funcionários do hotel, que já estão ali, ficam emocionados com a cena: Ferraço, desesperado, tentando trazer Renato de volta. Ao ver que o garoto não se mexe, o empresário começa a chorar muito, abraçando-o com força. “Você é o meu único filho, eu não vou ter outro, eu não posso te perder!”, diz. Todos, menos Sílvia, estão arrasados. Até que, de repente, Renato começa a tossir e a colocar toda a água que engoliu para fora. Ele está salvo!

Minutos depois, Maria Paula chega de helicóptero com Narciso.Ela soube do acidente graças a uma visão de Ezequiel. Ao ver que Renato está bem, Maria Paula abraça o filho. Bastante tocado, Ferraço os observa. Ele não é mais o mesmo homem.

A cena deve ser exibida a partir da próxima quinta-feira, 03/04.



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here