Quando Sílvia quer uma coisa, geralmente apela para a sedução. Mas quando não pode se valer deste artifício, usa a carinha de boazinha e a franja angelical como armas a seu favor. Assim, ela convence o porteiro do prédio de Maria Paula a subir sem ser anunciada. Diz que é uma prima da moradora e está ali para fazer uma surpresa. O porteiro cai na conversa e a deixa entrar.

Quando Maria Paula abre a porta e dá de cara com Sílvia, tenta fechá-la imediatamente. Mas a morena de franja força a entrada.

As duas começam a discutir e a brigar. Até Renato entra na história e dá uns belos pontapés na ex-madrasta. O menino liga para a polícia, que aparece, minutos depois, e leva Sílvia para a delegacia, algemada.

“Invasão de domicílio, tentativa de agressão, perturbação da ordem”, diz o policial, ao colocar Sílvia cara a cara com o delegado. Vendo o brutamontes bonitão que segura seu braço, a morena de franja o olha de cima a baixo, já com segundas intenções.

Mas não é desta vez que ela vai seduzir um policial para ser libertada. A pedido de Branca, Barreto aparece por lá, tirando Sílvia desta situação vexatória. E ela nem agradece!

A cena deve ser exibida na quinta-feira, 15/05.






DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here