A socialite Paris Hilton está sendo processada em US$ 35 milhões (cerca de R$ 60 milhões) por uma marca de extensões capilares com a qual ela tinha contrato desde 2007.

De acordo com a Folha Online, a empresa Hairtech International alega que Paris quebrou seu contrato com a marca após usar alongamento com extensões capilares de outra marca em 2008. Agora, a empresa quer que a socialite pague 10 vezes o valor do seu contrato.

A empresa alega ainda que Paris perdeu uma festa de lançamento de um novo produto da marca em 2007 por que ela estava na cadeia.

Os advogados de Paris ainda não comentaram o caso.



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here