Téo se arruma e segue para a clínica. Bruno diz a Paulo que libertou Tony para ele cumprir o acordo secreto que os dois fizeram. Paulo está nervoso, pois não sabe se acredita no que Bruno diz. Tony respira com dificuldade. Paulo e Felipe são conduzidos de volta ao quarto por seguranças. Maura confessa a Rafael que está em dúvida quanto a tudo em sua vida. Rafael insiste para que Maura lhe conte o que aconteceu. Ela decide terminar com ele. Rafael pede para Maura repensar sua decisão. Tony tenta sair, mas Bruno não deixa. Bruno recebe Téo, que pergunta onde Tony está. Bruno mente que Tony está negociando com um grupo a compra de um lote de drogas. Bruno afirma, diante do Téo, que é o novo capo. Bruno fala para Téo que ele pode ganhar muito dinheiro se trabalhar para ele. Lucas ganha uma orelha nova, uma prótese de metal. Sérgio convoca Tucci, Lucas e Iago para uma reunião no bunker e afirma que Tony está trabalhando para Bruno. Iago admite que Tony andou errando muito. Nina manda carta para Pedro. Pedro vê as fotos que estavam junto à carta e fica emocionado. Bruno diz a Fernanda que Tony está morto. Ela se desespera e diz que vai se matar. Bruno afirma que ela é a sua escrava e que nunca mais vai sair de perto dele. Lígia lembra que o americano da DEA pode ajudá-la a encontrar Tony pelo chip. Domi tenta falar com Felipe, mas ele não atende o celular. Teresa e Nícia estão muito preocupadas. O americano localiza Tony e conta a Lígia que o local que ele está é muito fechado. Téo e Lígia pensam em pedir ajuda a Fernanda para salvar Tony. Lígia "encena" e consegue entrar no apartamento da Fernanda para falar com ela. Lígia diz a Fernanda que Téo vai tentar entrar na clínica e, para isso, Bruno tem que sair de lá. "Encenando", Fernanda expulsa Lígia de seu apartamento. Bruno fala para Tony que haverá uma reunião do grupo à noite no bunker.



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here