Tem pipoca, milho-verde e cachorro-quente; bolo, bala e balão; brincadeira, criançada e muita alegria. É o aniversário de Rafaela! Nove aninhos. E a surpresa é uma festinha super caprichada, que Maradona dá com todo amor, além, claro, de muitos outros presentes. A menina fica eufórica e recebe os amiguinhos como se fosse uma rainha. Mas os adultos também comparecem e com eles suas angústias e problemas.

Por causa do problema com Benê, Edite quase desiste, mas vai pra distrair o neto, José. Onofre vai só pela boca-livre, ah, e também pra soltar a língua; Soraia vem pra ficar de guerrinha com Dora. As duas chegam a disputar um duelo de dança das cadeiras – que Dora vence, pra ódio da rival.

Mas o detalhe mais surpreendente – e tenso – da festa é a chegada de Marcos. Ele diz que vem para dar um beijo em Rafaela, mas quer mesmo é atazanar Dora – e por que não, Soraia, seu novo objeto de cobiça. Onofre fica desconfiado. Por que o patrão estaria ali? Estaria interessado em Dora ou seria Soraia? Edite fica sentida. Marcos sequer acena pra ela. Mas o clima fica tenso mesmo quando se encontram Marcos, Dora, Soraia e Garcia.

Dora fica morta de medo que Soraia fale que o bebê pode ser de Marcos ou, enfim, deixe escapar uma besteira qualquer que possa magoar Maradona. Mas ela se segura. Ufa! Por fim, Dora e Garcia vão para casa felizes com o sucesso da festa: Rafaela está feliz. Olha quanto presente.



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here