Dorotéia se lamenta para Lívia e diz que Carlão, no fundo, não quer casar-se com ela. Ela se entristece ao pensar que Carlão esteja tentando uma reconciliação com Patrícia. Picasso deixa claro para Carlão que aconteceu algo entre ele e Patrícia. Carlão fica enfurecido de ciúmes e parte para cima, golpeando Picasso a cada provocação. Helena pede ajuda de Baldochi e ele aparta briga. Carlão grita furioso e diz que Picasso está fingindo ser uma pessoa melhor. Picasso é levado para o hospital e Carlão vai preso. Anjo tenta impedir Bruna de virar cortesã, mas ela diz que precisa de dinheiro para cuidar das filhas. Das Dores alerta Carlão sobre atentado contra Picasso e diz que ele pode parar no presídio. Picasso é levado até delegacia para prestar queixa, e se mostra fragilizado após briga com Carlão. Ele diz que provocou as reações de Carlão, mas assina acusação de agressão. Carlão fica a sós com Picasso e ele dá gargalhada, comprovando que mudança é uma grande farsa. Carlão confessa para Otávio que está com medo de ser preso. Picasso se faz de vítima e diz para Patrícia que não queria brigar com Carlão. Baldochi diz para Helena que Picasso deve ter dito algo para enfurecer Carlão. Juiz declara prisão preventiva de Carlão, deixando-o inconsolável. Ele pede para que Otávio cuide das crianças e diz que tentará sair da prisão quanto antes. Os dois se abraçam, muito emocionados. Dorotéia se emociona e diz que fará de tudo para livrá-lo da prisão. Patrícia questiona Carlão sobre o que aconteceu. Ele diz que Picasso insinuou que ela dormiu com ele e que os dois estavam juntos. Patrícia se recusa a acreditar que Picasso esteja fingindo e Carlão esmurra mesinha, furioso. Patrícia cobra explicações sobre casamento com Dorotéia e ele diz ser parte de um plano para recuperar o morro. Patrícia se emociona quando Carlão diz que a ama e que a amará até o fim. Picasso diz para Laerte que entregará secretário de segurança se ele não cumprir suas exigências. Picasso vai atrás de Michele e diz que comandará morro do Pinguim. Dorotéia vai atrás de Patrícia e tenta convencê-la a deixar Helena testemunhar a favor de Carlão. Patrícia diz que não pode deixar que Helena minta para livrá-lo da cadeia. Dorotéia a ameaça e que a matará se algo acontecer com Carlão. Carlão se surpreende ao descobrir que Veludo é seu companheiro de cela. Veludo diz que quer ajudá-lo a pegar comparsa de Picasso. Ele diz que os dois podem fazê-lo confessar plano do ex-policial, desfazendo sua farsa de bom moço.



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here