Bete (Fernanda Montenegro) recebeu o resultado da autópsia no corpo de Eugênio (Mauro Mendonça) e pediu que toda a família se reunisse na sala da mansão, assim como o dr. Cavarzere (Giulio Lopes) e Mauro (Rodrigo Lombardi). Todos chegam, exceto Saulo (Werner Schünemann), que está demorando – mas ninguém aguenta mais o mistério.

Melina (Mayana Moura), Fred (Reynaldo Gianecchini) e Mauro começam a discutir, nervosos, até que Bete despeja tudo, cortando os três:

"Esperem! Antes que isto vire outra discussão, vamos começar, então. E é bom mesmo que o Fred escute tudo. O resultado da autópsia foi positivo. O Eugênio foi envenenado. Foi realmente assassinado… "

Brígida (Cleyde Yáconis) começa a passar mal, em choque. Todos estão perplexos. Brígida acha que Clara (Mariana Ximenes) é a assassina e o advogado avisa que a ex-cuidadora vai ser intimada a depor. Gerson (Marcello Antony) provoca Fred, que reage, dizendo que não tem culpa no assassinato. Brígida fica confusa com as revelações sobre o marido da neta, até que Bete explica, lenta e fria, olhando para o inimigo sob seu teto:

"Que bom que tocaram nesse assunto Não reuni todos vocês aqui só pra comunicar o resultado da autópsia… Nem só pra informar que a Clara ia ser intimada… Também foi pra avisar que você, Fred, vai ser intimado! E espero que você, Melina, reflita bem sobre isso e entenda que a sua teimosia pode ter levado você a se unir a um dos assassinos do seu pai!"

Essas vão ao ar na segunda-feira, 4/10.






DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here