Divulgação Globo/ Rafael Freitas

O ‘Esporte Espetacular’ deste domingo, dia 25, faz uma visita especial a Oscar Schmidt, o ‘Mão Santa’, maior jogador de basquete do Brasil. O maior cestinha do planeta, autor de 49.703 cestas nos 32 anos que passou dentro das quadras, abre as portas de sua casa em São Paulo para receber Tande e a equipe do ‘Esporte Espetacular’. Com o bom humor e otimismo de sempre, ele fala sobre todas as emoções da sua vida e carreira, conta detalhes sobre o tratamento contra o câncer de cérebro que está enfrentando há dois anos e ainda revela que quando se candidatou a senador, há 15 anos, pretendia ser Presidente do Brasil.

O ex-jogador garante que segue com disciplina, o seu forte desde a época de atleta, o tratamento médico contra o câncer, mas que não fica pensando nisso o tempo todo. Fala como descobriu a doença há dois anos, detalhes das duas cirurgias por que passou e até mostra a cicatriz que toma toda a sua cabeça, de uma orelha a outra. Em julho, durante a Jornada Mundial da Juventude, Oscar foi um atletas abençoados pelo Papa Francisco em uma cerimônia fechada para convidados no Palácio da Cidade. Ele conta a Tande que ficou surpreso com a humildade do Papa: “Se não curar agora, não cura mais. O Papa é o primeiro argentino humilde que eu conheci na vida!”, brinca. “Que coisa linda, foi uma das maiores emoções da minha vida, senão a maior!”. E ainda revela que quando entrou na política há 15 anos, como candidato a senador, queria mesmo ser Presidente do Brasil: “Essa vontade que eu tenho de defender e brigar pelo Brasil despertou em mim a vontade de ser Presidente da República. Mas ainda bem que eu não ganhei porque vi muita coisa ruim nesse meio. Estou melhor assim, de bermuda e descalço, falando de basquete todo dia”, revela.

Outro craque, esse do futebol, dá entrevista exclusiva ao repórter Thiago Asmar. Paulinho, ex-jogador do Corinthians, garante que já está adaptado à vida na Europa. Recém-contratado pelo Tottenham, o atleta está morando em Londres. Além de conhecer a nova casa do jogador e observar que ele já arrisca algumas palavras em inglês, Thiago Asmar o leva para conhecer os principais pontos turísticos da capital londrina, como o Big Ben e a London Eye. E também o acompanha a sua estreia oficial pelo clube, com direito a vitória, no Estádio Selhurst Park, onde viu torcedores ingleses com a camisa do Corinthians. Paulinho aproveita a deixa para revelar que sente saudades do clube e da torcida do Timão. “O carinho que eu tenho pelo Corinthians e pela torcida nunca vai acabar. Agora, se eu vou voltar a jogar pelo clube, só o tempo vai dizer. Mas quem sabe daqui a seis, sete anos?”, especula o jogador. Ao longo dos oito anos de carreira, Paulinho já realizou alguns sonhos, como o de ser titular da Seleção Brasileira e defender um tradicional clube europeu, mas o maior deles ainda está por vir: “Quero chegar a uma Copa do Mundo e ser campeão. Esse é o meu maior objetivo”, revela.

O ‘Esporte Espetacular’ vai ao ar na manhã de domingo, dia 25, depois do ‘Auto Esporte’.






DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here