Thayse se emociona ao lembrar do filho – Playplus/Record TV

Amor de mãe não tem fim, né? Neste sabadão, a peoa Thayse se emocionou ao lembrar do filho em ‘A Fazenda’. A participante desabafou sobre a falta que tem sentido de Bernardo.

“Ai que saudade de Bernardo. Ontem eu chorei demais. Ficava me lembrando dele, só vinha ele no meu pensamento, fiquei olhando a foto”, desabafou com as amigas Hariany e Sabrina.

+A Fazenda 11: Para de fazer drama, Lucas, dispara Hariany

Durante o papo, Thayse explicou para as peoas como se sente com relação a maternidade. “Eu estava dizendo, tem coisas que vocês só vão entender quando forem mãe. Porque a mãe de vocês deve estar com muito mais saudade de vocês do que vocês dela. Porque tipo estou com mais saudade de Bernardo do que de minha mãe. Não tem explicação, parece que falta um pedaço da gente, é muito estranho, mas a gente consegue né”.

Thayse completou comentando a força que as amigas de confinamento tem dado. “Um dia atrás do outro, uma dando força para a outra. Com os meninos a gente não tem muita coragem de conversar sobre…” Hariany respondeu: “É diferente”. “É diferente, fico meio envergonhada, porque eles choram menos que a gente”, completou a influencer.

+A Fazenda 11: Ao ver briga de Lucas e Hariany, ex-peão Netto tem crise de riso

Não é de hoje que a confinada confidencia momentos do herdeiro com as outras participantes. Thayse chegou a ter um papo sobre o Transtorno do déficit de atenção com hiperatividade (TDAH) que o filho tem e contou detalhes à Hariany. A ex-BBB perguntou para a influencer se Bernardo estudava o dia todo.

“Só de manhã. À tarde, ele vai pro reforço. Ele é tão dedicado, amiga…Ele é inteligentíssimo”, respondeu Thayse. A peoa também explicou um pouco do transtorno sofrido pelo filho.

+A Fazenda 11: Após sumiço, público suspeita de armação entre produção e Lucas Viana

“No começo a gente chegou a achar que ele era autista, porque a gente não sabia muita coisa. Aí foi passando e ele com umas atitudes. Aí minha mãe sugeriu levar ele no psiquiatra e eu falei que era coisa de criança, mas mainha: ‘não, você nunca foi desse jeito’. Aí que a gente levou amiga, foi o pior dia de minha vida. Eu fiquei arrasada. Não tive coragem de ir, mainha que foi. Aí a gente ficou sabendo que ele tinha que tomar uma medicação pra sempre né. Não tem cura, amiga. Eu fiquei louca, estressada…”, contou.



4 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here