Paula – Imagem: Reprodução/GloboPlay

Na tarde deste sábado (23) os brothers Alan, Elana e Paula estavam conversando sobre religião e fé.

Durante o papo a mineira confessou que não conseguia entender as pessoas que não acreditam em Deus e o trio falou sobre o assunto.

“Eu tenho amigos ateus e eu falo muito em Deus. Uma vez a gente discutiu feio e aí eu falei: ‘Cara, respeita minha religião e eu respeito a tua’. É o meu jeito de ficar falando, falo muito ‘graças a Deus’, coisa assim”, comentou Elana.

“Eu respeito os ateus, mas eu não entendo, não. Eles acham que a essência deles é qual? É tão bom ter Deus pra poder saber que Ele fez as coisas”, afirmou Paula.

“Eu também não entendo, não”, concordou a piauiense. “É nosso fortalecimento, né? Mas eu respeito quem é”, opinou Alan.

“No meu Instagram, eu sempre falava assim: ‘Gente, agradeçam muito a Deus. Aliás agradeçam a qualquer ser supremo da sua religião. Seja grato sempre. Independente de religião, de qualquer coisa'”, contou a engenheira agrônoma. “Seja grato e faça o bem”, concluiu o catarinense.

Ainda falando sobre religião Paula disparou: “Eu entendo evangélico, entendo o espírita, entendo quem gosta de Buda… Eu entendo tudo. Mas eles têm alguém, sabe? Agora o ateu, como que não acredita em nada? Como é que isso tudo foi feito? Sei lá, não dá pra entender”, disse.

BBB19: Confira o vencedor da Prova do Anjo e quem recebeu o Castigo do Monstro

Delegado irá ouvir Paula e Rodrigo assim que deixarem a casa

Paula e Rodrigo/Reprodução Gshow
Paula e Rodrigo/Reprodução Gshow

O delegado titular do Decradi (Delegacia de Combate à Intolerância Religiosa), Gilbert Uzeda, afirmou, em conversa a coluna do jornalista Leo Dias, que já avisou a TV Globo, que os participantes Paula e Rodrigo do BBB19, serão ouvidos assim que deixarem o reality.

“Posso fazer com que eles saiam do programa para depor, mas assim eles seriam eliminados. E o Rodrigo acabaria sendo vítima duas vezes, pelo racismo e pela injusta eliminação”, explicou a coluna.

Na conversa, Gilbert afirma que o motivo é para saber se Rodrigo irá levar a denúncia de racismo religioso para frente. Saiba mais!

Veja também:



17 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here