A Força do Querer - Irene apanha de Joyce e Ritinha / TV Globo
A Força do Querer – Irene apanha de Joyce e Ritinha / TV Globo

Na noite desta segunda, dia 24, foi ao ar uma das cenas mais aguardadas da novela “A Força do Querer“. Após ficar com o marido da própria amiga, Irene (Débora Falabella), levou uma surra, com direito a tapas, socos e sapatadas no banheiro de um restaurante. Se não bastasse ser atacada por Joyce (Maria Fernanda Cândido), a vilã levou uma sequencia de socos e tapas de Ritinha (Ísis Valverde), nora da amiga traída, esposa de Eugênio (Dan Stulbach), seu amante.

O que você achou da surra de Irene, em “A Força do Querer“?
Vote na Enquete:

Comente esta enquete: Clique Aqui



103 COMENTÁRIOS

  1. Só mesmo em novela q uma mulher vai se tornar amante e além disso ainda vai ficar indo atrás da atual p falar merda na vida real muitas vzs a amante também é vítima desses homens safados essa cultura maxista de a mulher e q é culpada p mim não rolac

  2. A arrogância e o cinismo e o mal caráter da Irene é irritante
    É aquelas puta que é acostumada a fazer mera na vida dos outros
    Essa Irene pode fazer o que for que pra ela é como ganhar um troféu a favor dela
    Ela é pós graduada em malandragem e maldade

  3. A esposa nunca deve bater na amante do marido. Porquê a esposa é a "cana" e a amante é o "bagaço". Peça o divórcio. Erga a cabeça e vença. Porquê a esposa tem que se valorizar sempre. E jamais se rebaixar. Com certeza irás encontrar um homem com "H" maiúsculo. Porquê o homem que não valirizou a esposa, a mãe dos filhos, a mulher é "verme". Deixe-o ir. Porquê qto mais a esposa "armar barraco", mais ele vai se achar que é o "Don Juan", e que a esposa é incapaz de encontrar outro homem.
    Prove o contrário. Essa é a minha opinião e experiência de ter visto, esse fato ocorrer com minha falecida mãe. Porém, no tempo dela, a mulher era dependente e submissa. E; de nada adiantou "as irmãs", da minha falecida mãe armaram barraco com à amate do meu falecido pai. Nada adiantou. Ele arrumou outras. Mas nos dias de hoje; a mulher tem sua independência. Não precisa de homem prá viver e criar os filhos.
    Um forte abraco à todas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here