Cynthia Senek./Instagram

A atriz Cynthia Senek, que viveu Edilena na novela das 9 da rede Globo “A Dona do Pedaço”, mesmo não estando mais na trama, já que seu personagem faleceu, continua criando discussões sociais ao falar do tema aborto clandestino.

A atriz usou as redes sociais para falar sobre sua experiência na trama. “Vou falar pra vocês que foi uma das experiências mais incríveis de se estudar. Acho que foi a personagem que mais exigiu de mim como mulher, como ser humano, como artista, como profissional”, começou ela.

“Me transformou como mulher, ter contato com esse tema e conhecer essas mulheres, ouvir essas histórias, doeu muito viver essa história também. Me transformou!”, ainda escreveu Cynthia na web.

Uma seguidora chegou a perguntar a atriz  se ela sugeriria um aborto, Cynthia disse que a questão é delicada e depende da intimidade de quem aconselha.

Se fosse uma amiga minha, eu falaria alguma coisa. Mas como é a vida de outra pessoa, que eu não tenho nada a ver, acho que não tenho nada pra falar pra essa pessoa. Cada um com seus problemas”, respondeu ela. “Cada um no seu quadrado”, ainda escreveu a atriz.

Desabafo

No dia que a cena foi ao ar,  a atriz fez um longo e emocionante desabafo falando sobre a cena onde o pai da personagem a encontra morta no hospital.

Nesse dia eu estava desfigurada. Por dentro e por fora. Chorei do início ao fim da gravação. Tremi antes, durante e depois de estar em cena. Não dormi direito na noite anterior. Quando cheguei pra gravar, fiquei concentrando no que aquela menina de 21 anos estava passando naquele momento até abortar. Tinha um nó na minha garganta que me prendia a fala. Cheguei a pedir pro pessoal da maquiagem não passar nada em mim, eu não via sentido naquilo. Confesso que quando eu li histórias, ouvi relatos e estudei sobre aborto, nada me doeu tanto como estar lá e gravar essas cenas. ESTAR LÁ realizando uma cena em que eu era uma mulher que tinha que abortar”, começou ela.

Veja Também:



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here