MSN

sexta-feira, 21 de junho de 2024

Aos 52 anos, Luciana Gimenez abre o coração: “tenho que me unir às mulheres”

Apresentadora abriu seu coração sobre direito das mulheres.

-

-

Amanda Souza
Amanda Souza
Venha fazer parte da nossa equipe de colaboradores! Saiba mais!
Apresentadora Luciana Gimenez
Apresentadora Luciana Gimenez – Foto/Instagram

A apresentadora Luciana Gimenez abriu seu coração e mostrou que está cada dia mais empoderada, aos 52 anos. Em entrevista ao site Caras, a famosa comentou sobre machismo e qual o seu papel na sociedade atual.

- Continua após o anúncio -

A mãe de Lucas Jagger afirmou que nunca precisou usar o nome de nenhum homem para conseguir conquistar as suas coisas: ”Luto pela minha carreira e minhas vontades desde meus 15 anos e nunca usei o nome de nenhum homem para conseguir as coisas. Hoje, eu acho que tenho que me unir às mulheres, vivemos em um mundo machista e isso já basta!”, disse.

+ Luciana Gimenez poderá sair da RedeTV! e assinar contrato com a Globo, diz colunista

A famosa já foi acusada de oportunismo e interesse, tanto por seu relacionamento com Mick Jagger quanto pelo seu casamento com o ex-diretor da RedeTV, Marcelo de Carvalho: ”Já sofri vários preconceitos, como ‘é bonita, mas é burra’, ‘não fala português’ ou ‘só deu certo porque tem um homem por trás de tudo isso’, primeiro era o pai do Lucas, depois o meu ex-marido. Normalmente, iria falar que está tudo certo, mas a gente tem que levantar o dedo, porque é difícil passar por alguma mulher que não tenha sofrido com machismo”, afirmou.

- Continua após o anúncio -

Apesar do discurso feminista, a apresentadora se nega a se definir como tal: ”Eu não gosto de me colocar em caixinha nenhuma. Acho que estamos vivendo um momento sem rótulos e me considero uma mulher justa”, disse.

+ Luciana Gimenez surge em banho e vídeo ganha destaque

- Continua após o anúncio -

A apresentadora ainda revelou sobre cobranças. Ela disse que por ser mulher, já há a cobrança natural da sociedade que está enraizada desde a criação: ”Ser mulher já tem muitas vertentes difíceis, a gente se cobra muito, tem que estar bonita, cuidar do filho, trabalhar, estar pronta para o parceiro, namorado… acho isso bem desafiador, ainda mais sofrendo tantos ataques”, contou.

+ Luciana Gimenez é furtada em Londres: “Corri atrás da menina gritando”

- Continua após o anúncio -

Continue por dentro com a gente: Google Notícias , Telegram , Whatsapp

Amanda Souza
Amanda Souza
Venha fazer parte da nossa equipe de colaboradores! Saiba mais!