fbpx

Após recorde de mortes por Covid-19, Bruno Gagliasso cobra ações de políticos: ”Salvem nossa gente”

O marido de Giovanna Ewbank expressou toda sua angústia e comoção ao comentar o recorde de mortes no Brasil

-

Lívia Cout
Redatora web, com passagem pelo portal R7. é especialista em otimização de textos e informações sobre o mundo dos famosos aqui no Área VIP.

Comente

Veja também

- Continua após o Banner -

Após recorde de mortes por Covid-19, Bruno Gagliasso cobra ações de políticos: ''Salvem nossa gente'' - Foto: Reprodução/ Instagram
Após recorde de mortes por Covid-19, Bruno Gagliasso cobra ações de políticos: ”Salvem nossa gente” – Foto: Reprodução/ Instagram

- Continua após o anúncio -

O ator Bruno Gagliasso não deixou passar batido um marco bastante preocupante nesta última terça-feira (03), durante a pandemia do novo Coronavírus. Desse modo, em seu Twitter, o marido de Giovanna Ewbank expressou toda sua angústia e comoção ao comentar o recorde de mortes no Brasil em um único dia.

+Bruno Gagliasso mostra ‘desespero’ da família em viagem com os filhos

Nas redes sociais, Bruno Gagliasso pede para políticos agirem diante tantas mortes devido a pandemia do novo Coronavíus

O dia tem menos minutos do que o número de brasileiros que perderam seus amores hoje. Pelo amor de Deus, governantes, olhem por nós! Parem de briga e salvem nossa gente“, pediu logo a princípio o ator.

- Continua após o anúncio -

Em suma, bem desesperado, o papai de TIti, Bless e Zyan ainda cobrou atitude das autoridades: “1726 mortos hoje. Não existe nenhuma solução além da vacinação. Precisamos de vacinas!“, pontuou logo na sequência.

Posteriormente, o famoso também repostou a publicação em seu Instagram.

- Continua após o anúncio -

+Bruno Gagliasso recusa convite da Record para apresentar ‘A Fazenda’

Confira:

Saiba também

Além disso, sempre muito envolvido em assuntos que interessam toda a sociedade, o ator Bruno Gagliasso acabou discutindo na internet com o atual Senador de Alagoas, Fernando Collor. Dessa forma, tudo começou quando o ator criticou as políticas econômicas de Fernando Collor em seu mandato de presidente na década de 90. Na ocasião, o artista foi bem claro com suas palavras e ainda criticou a aproximação do senador com o presidente atual do Brasil, Jair Bolsonaro (sem partido).

Chega a ser uma piada esse presidente que representaria tudo de ‘novo’ trazer pra ser seu conselheiro econômico um sujeito que fez tantas famílias sofrerem com sua política econômica. BolsoCollor é um escárnio.”, escreveu o marido de Giovanna Ewbank nas redes sociais. + Leia mais sobre isso aqui!

Bruno Gagliasso encanta seguidores em foto com Titi: “Ela cuida de mim e eu dela”

- Continua após o anúncio -

+ Novidade: Área VIP no Telegram – Clique Aqui e fique por dentro!

E tem muito mais para você: Baixe o app Área VIP – TV e Famosos ou siga o Área VIP no Google Notícias e receba as informações mais quentes do entretenimento com tudo o que acontece no mundo da TV e dos FamososClique Aqui!

Lívia Cout
Redatora web, com passagem pelo portal R7. é especialista em otimização de textos e informações sobre o mundo dos famosos aqui no Área VIP.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Últimas TV & Famosos