MSN

quarta-feira, 24 de julho de 2024

Claudia Ohana revela sofrer de nosofobia e afirma: “É muito ruim”

Atriz de 60 anos, abre o coração ao falar sobre 'medo de ficar doente'

-

-

Fernando Melo
Fernando Melo
Colunista sobre o mundo da TV, celebridades, influencers e personalidades da mídia em geral, atuante no segmento desde 2012, com passagens por diversos sites. No Área VIP, além de colunista, é coordenador de redação.
Atriz Claudia Ohana - Foto: Vai na Fé/Globo
Atriz Claudia Ohana – Foto: Vai na Fé/Globo

A atriz Claudia Ohana, atualmente no ar em ‘Vai na Fé‘ na TV Globo, abriu o coração ao falar que sofre com a nosofobia, problema ‘psicológico’ com que vive desde a infância. Vale frisar, que o problema é um medo de adquirir uma doença específica em um futuro.

- Continua após o anúncio -

Dessa forma, aos 60 anos de idade, Claudia Ohana abriu o coração ao comentar sobre a situação, afirmando que ‘é muito ruim’ viver com este problema ‘psicológico’. “Na verdade, não sou hipocondríaca. É medo de ficar doente. Mas eu sempre fui assim, desde pequena. É muito ruim isso“, lamenta ela, em entrevista à revista Quem.

+ Claudia Ohana faz reflexão após cena nua em ‘Vai na Fé’: “Por que?”

Em suma, o hipocondríaco não tem medo do diagnóstico e se trata de algo no presente, já a nosofobia existe o medo de adquirir uma doença específica e esse receio atormenta a vida da pessoa.

- Continua após o anúncio -

Mais sobre Claudia Ohana

Sendo assim, a atriz ainda chegou a revelar que começou a trabalhar para superar esse ‘problema’. “Mas comecei a trabalhar meu subconsciente. Estou lendo um livro sobre o poder do subconsciente e das palavras e do poder da mente sobre nós, o controle que temos. Todo dia eu falo coisas positivas e quando entro no pensamento da doença, eu falo: ‘não, não estou com nada, estou ótima, maravilhosa, não é comigo que está acontecendo e tal’. Ajuda para c*r*lho“, afirma.

+ Claudia Ohana recorda ensaio fotográfico em que posou sem roupa: “Não ganhei nada”

- Continua após o anúncio -

Além disso, Claudia ainda chega a comentar que, antes, sentia muito medo e quando sentia qualquer sintoma, corria para uma unidade de saúde. “Não vou para o hospital há muito tempo. Ia para o hospital antigamente. Eu sentia que eu estava tendo um treco. Com qualquer coisa… Uma vez estava pingando sangue do meu nariz. Já pensei: estou com um tumor cerebral, vou morrer agora. Em vez de esperar um dia… Pingou sangue, para mim já era tumor cerebral“, recorda ela, que foi proibida de usar o Google para saber sobre doenças.

- Continua após o anúncio -

Continue por dentro com a gente: Google Notícias , Telegram , Whatsapp

Fernando Melo
Fernando Melo
Colunista sobre o mundo da TV, celebridades, influencers e personalidades da mídia em geral, atuante no segmento desde 2012, com passagens por diversos sites. No Área VIP, além de colunista, é coordenador de redação.